Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Twitter ofereceu 525 milhões de dólares pelo Instagram

As relações entre as três empresas envolvidas azedaram desde então, o que levou a que o Instagram cancelasse a opção que permitia a partilha das suas fotos no Twitter.

Bancos impedem estreia negativa do Facebook em bolsa (act.)
Jorge Garcia jorgegarcia@negocios.pt 17 de Dezembro de 2012 às 18:35

Semanas antes de aceitar uma oferta de mil milhões de dólares (759 milhões de euros) do Facebook, o presidente executivo do Instagram, Kevin Systrom, terá feito um acordo verbal para a venda da aplicação de partilha de fotografias ao Twitter, por 525 milhões de dólares.

 

Com a oferta do Facebook, de quase o dobro do valor, Kevin Systrom cancelou o negócio realizado num primeiro momento com o Twitter. O presidente executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, fechou o acordo umas semanas antes da oferta de aquisição se ter tornado pública.

 

Durante as negociações com o Instagram, os executivos do Twitter entregaram a Systrom um pré-contrato com todos os detalhes do negócio, algo que foi desmentido pelo mesmo, de acordo com o “Times”.

 

As relações entre as três empresas envolvidas azedaram desde então, o que levou a que o Instagram cancelasse a opção que permitia a partilha das suas fotos no Twitter, enquanto que o Twitter ripostou introduzindo as suas próprias fotografias com filtros de cor, para competir com o Instagram.

 

O porta-voz do Facebook recusou-se a comentar esta notícia, de acordo com a agência Reuters.

Ver comentários
Saber mais Twitter Facebook Instagram
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio