Telecomunicações 5G da Nos “salva” surfista em Matosinhos

5G da Nos “salva” surfista em Matosinhos

Depois de uma primeira demonstração das potencialidades do 5G em maio, aplicado a veículos autónomos de socorro e emergência, a Nos demonstra em Matosinhos o poder da quinta geração de comunicações móveis aplicada à vigilância de praia e zonas costeiras.
5G da Nos “salva” surfista em Matosinhos
A demonstração das potencialidades do 5G aplicado à vigilância de praia e zonas costeiras decorreu em Matosinhos, a primeira Zona Livre Tecnológica (ALT) em Portugal.
Rui Neves 07 de junho de 2019 às 12:57

Um drone, controlado à distância, com captura de vídeo de alta definição e que utiliza a tecnologia 5G para ligação à sala de comando, faz a vigilância de uma praia de Matosinhos onde um surfista se sente mal, sendo de imediato ativado o Sistema de Salvamento Balnear da autarquia e a necessária assistência prestada.

 

O cenário passou-se ao princípio da tarde desta sexta-feira, 7 de junho, e tratou-se de uma simulação com a qual a Nos quis demonstrar as potencialidades da quinta geração de comunicações móveis aplicada à vigilância de praia e zonas costeiras, através da transmissão de vídeo de alta definição 4K 360º.

 

Para levar a cabo as demonstrações 5G real, a Nos solicitou à reguladora Anacom espetro na banda dos 3.6 GHz para as necessárias comunicações móveis, tendo para o efeito utilizado um drone.

 

A partir da sala de comando simulada no Centro de Engenharia e Desenvolvimento de Produto (CEiiA), e com o auxílio de óculos de realidade virtual, através das imagens 360º filmadas pelo drone, "foi identificada a situação de perigo e disparada a alarmística de socorro", relata a Nos, em comunicado.

 

"Na sala de comando, para além das imagens projetadas pelo drone, foi possível acompanhar o processo de ‘salvamento’ através uma câmara 360º adicional, instalada na zona de maior afluência da praia", conta a operadora.

 

Com a solução 5G demonstrada nesta simulação, garante a Nos, "qualquer entidade responsável pela segurança das praias ganha maior capacidade de antecipar, prevenir e atuar em situações de perigo ou emergência".

 

Uma demonstração realizada em Matosinhos, a primeira Zona Livre Tecnológica (ZLT) em Portugal, com a colaboração do CEiiA, parceiro da Nos para o desenvolvimento e teste de soluções tecnológicas assentes na quinta geração móvel.

 

"O advento da tecnologia 5G vai beneficiar toda a sociedade, das empresas e instituições públicas aos cidadãos. A aplicação da tecnologia ao serviço das populações hoje demonstrada é apenas um exemplo das potencialidades de uma tecnologia que, a seu tempo, vai tornar as cidades em sociedades superinteligentes, mais seguras, eficientes e próximas das pessoas", enfatiza Manuel Ramalho Eanes, administrador da Nos, que esteve no evento em Matosinhos, que contou também com as presenças dos presidentes do CEiiA e da Câmara de Matosinhos.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI