Telecomunicações CTT só reabrem duas estações em quatro meses

CTT só reabrem duas estações em quatro meses

Dos 33 municípios que ficaram sem qualquer estação dos CTT, só Vila Flor já recuperou a estação. A segunda localidade a recuperar uma loja CTT será anunciada na próxima semana.
CTT só reabrem duas estações em quatro meses
João Cortesão
Negócios 24 de outubro de 2019 às 09:22
Desde que o seu presidente executivo prometeu no Parlamento que todos os concelhos do país voltariam a ter uma estação de correios, há quatro meses, os CTT só reabriram uma estação e têm planos para abrir mais uma na próxima semana. A informação é avançada esta quinta-feira, 24 de outubro, pelo Correio da Manhã.

Foram 33 os municípios que ficaram sem qualquer estação CTT ao longo deste ano. Em abril, Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas, exigiu a reposição de uma loja de correios em todos os municípios do país como condição para renegociar o contrato de concessão dos CTT, em vigor até dezembro de 2020.

Na resposta, João Bento, presidente executivo da empresa, prometeu a 12 de junho que os CTT iriam "iniciar o processo de reabertura em concelhos que ficaram sem estações" e que os dois primeiros casos seriam divulgados nas semanas seguintes.

Mas foi só a 23 de setembro que os CTT reabriram a primeira estação, em Vila Flor. E, para já, não se conhecem mais planos de reabertura. Ao Correio da Manhã, João Bento diz que "o plano segue como previsto" e adiantou que a localização da segunda estação a ser reaberta será anunciada na "próxima semana", na mesma altura em que a empresa vai apresentar os resultados do terceiro trimestre.

No final do primeiro semestre deste ano, os CTT contavam com 538 lojas, menos 42 do que em igual período do ano passado. Já a rede de postos, onde se incluem mercearias ou cafés, tinha aumentado de 1804 para 1842 postos.



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI