Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Telefónica desmente OPA da AT&T mas acções atingem máximos de três meses

A Telefónica viu as suas acções subirem para máximos de três meses depois do jornal “El Mundo” ter avançado que a AT&T estaria interessada em lançar uma OPA (oferta pública de aquisição) sobre a empresa, no valor de 70 mil milhões de euros. A OPA terá sido bloqueada pelo Executivo de Mariano Rajoy, avança o jornal.

Jorge Garcia jorgegarcia@negocios.pt 17 de Junho de 2013 às 10:46
  • Partilhar artigo
  • 3
  • ...

A Telefónica informou esta manhã o regulador espanhol que “não recebeu nenhuma aproximação, nem nenhuma indicação de interesse escrita ou verbal, de ninguém”, após o jornal "El Mundo" ter noticiado que a operadora norte-americana AT&T estaria interessada em lançar uma OPA sobre a empresa.

 

O desmentido não impediu que as acções da Telefónica subissem um máximos de 3,89% para 10,42 euros, um máximo desde 14 de Março. A empresa é das que mais sobe no índice espanhol, o IBEX, depois de ter registado quedas em todos os dias da semana passada. Neste momento as acções estão a subir 2,74% para 10,305 euros, o que se traduz numa aumento de 1,13% desde o início do ano.

 

O governo espanhol terá bloqueado a oferta da AT&T por considerar a Telefónica estratégica para a economia espanhola, segundo o “El Mundo”. A operadora norte-americana terá oferecido 70 mil milhões de euros pela empresa espanhola mais 52 mil milhões para abater na dívida, ainda segundo o jornal espanhol.

 

Com a rejeição por parte do governo espanhol, a AT&T viu-se, assim, obrigada a retirar a sua proposta, que oferecia um prémio de 30% face ao valor actual das acções da Telefónica.

 

A porta-voz da empresa espanhola, Marisa Navas, desmentiu a notícia através de uma entrevista telefónica, afirmando que a “Telefónica não recebeu qualquer proposta escrita ou verbal da AT&T”.

 

Também o ministro da Indústria espanhol, José Manuel Soria, afirmou que esteve reunido com o presidente do conselho de administração da AT&T e que este não mencionou ter um particular interesse na empresa espanhola.

 

“Ele disse-me que tinha um interesse na Europa, mas não me disse uma única palavra sobre a Telefónica”, afirmou Soria em entrevista a um canal espanhol.

Ver comentários
Saber mais Telefónica OPA governo AT&T
Outras Notícias