Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Nos confirma ex-Meo Luís Nascimento na administração

Luís Moutinho Nascimento foi cooptado para a administração da operadora, cujo mandato termina em 2018, anunciou a Nos.

O Haitong avalia as acções da Nos em 7,60 euros, o que implica um potencial de valorização 41%. A recomendação é de comprar.

O banco de investimento assinala que depois de um período de “forte crescimento e investimentos, a Nos atingiu as suas metas de quota de mercado e crescimento dois anos antes do previsto”. 2017 deverá ser um “ano muito importante” para a empresa liderada por Miguel Almeida, pois deverá marcar uma inflexão na estratégia da cotada, passando a privilegiar a geração de “cash flow” e a remuneração aos accionistas, em detrimento da conquista de quota de mercado.

Devido ao reduzido nível de endividamento, o Haitong estima que a Nos seja “mais agressiva” no seu compromisso com o pagamento de dividendos, “compensando os investidores pela espera nos últimos anos marcados pelo forte investimento”. A estimativa aponta para um dividendo por acção de 25 cêntimos a pagar este ano, o que compara com 16 cêntimos no ano passado. Em 2018 a remuneração accionista deverá subir para 38 cêntimos e em 2019 para 46 cêntimos.
Paulo Zacarias Gomes paulozgomes@negocios.pt 29 de Junho de 2017 às 17:27
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
O antigo administrador executivo da PT Portugal, Luís Moutinho Nascimento - que no final de Março passado tinha saído da dona da Meo - vai passar a ser administrador da operadora concorrente, a Nos. 

A confirmação da contratação (que tinha sido avançada esta quarta-feira pelo Eco) foi feita esta quinta-feira, 29 de Junho, em comunicado enviado pela empresa liderada por Miguel Almeida (na foto) à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

"(...) a NOS, SGPS, S.A. ("NOS") (...) deliberou, nos termos da alínea b) do número 3 do artigo 393.° do Código das Sociedade Comerciais, cooptar Luís Moutinho Nascimento, para o exercício do cargo de vogal do Conselho de Administração e membro da Comissão Executiva, até ao termo do mandato em curso (2016-2018)," lê-se no comunicado
A cooptação está ainda dependente da ratificação dos accionistas, na próxima assembleia-geral da operadora.

A entrada na administração da operadora é o regresso de Luís Nascimento ao universo Nos, onde esteve quatro anos - entre 2003 e 2007 - como director de desenvolvimento empresarial e de relação com o cliente da Zon, predecessora da Nos.

Desde Outubro de 2007, no universo PT, foi responsável pelo segmento residencial e, desde 2015 até Março passado, membro da comissão executiva da operadora, com o pelouro das vendas e do marketing ao consumidor. Entre 2011 e 2014 tinha estado como administrador não-executivo no board da empresa.

Do seu percurso profissional consta ainda, entre 1998 e 2000, o cargo de consultor na McKinsey&Company.

(Notícia actualizada às 17:36 com mais informação)
Ver comentários
Saber mais Nos Luís Nascimento PT Meo
Mais lidas
Outras Notícias