Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Nuno Fernandes Thomaz: A Caixa “não desistiu do país”

Administrador da Caixa Geral de Depósitos deixa claro que, ao contrário do que Henrique Granadeiro disse, o banco estatal não desistiu do país, mas está a direccionar-se para segmentos determinantes para Portugal, mais especificamente nas pequenas e médias empresas (PME).

A carregar o vídeo ...
João Carlos Malta joaomalta@negocios.pt 24 de Outubro de 2013 às 11:27
  • Assine já 1€/1 mês
  • 21
  • ...

“Não [a Caixa não desistiu do país]. A Caixa aposta ainda mais no país, através da cobertura do core da Caixa e do core do país que são as PME”, afirmou Nuno Fernandes Thomaz, administrador da CGD quando questionado acerca do que disse Henrique Granadeiro, presidente da Portugal Telecom após o anúncio de venda da participação do banco estatal na operadora de telecomunicações.

 

As declarações do responsável da CGD foram proferidas durante a cerimónia de entrega do Prémio PME Portugal, uma iniciativa organizada pelo Negócios.

 

Caixa Geral de Depósitos anunciou esta quinta-feira, em comunicado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), que "pretende proceder à alienação de 54.771.741 acções da Portugal Telecom, representativas de aproximadamente 6,11% do capital social" da operadora.

 

Em reacção a este anúncio, Henrique Granadeiro disse ao Negócios: "Entristece-me ver alguns indivíduos e instituições a desistir de Portugal".

Ver comentários
Saber mais Caixa CGD Nuno Fernandes Thomaz Henrique Granadeiro Portugal Telecom
Outras Notícias