Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Oi assegura: combinação de negócios irá gerar sinergias “significativas” para a PT SGPS

A PT SGPS e a Oi haviam previsto que a combinação de negócios das duas empresas poderia gerar sinergias de 5,5 mil milhões de reais (1,6 mil milhões de euros) e a operadora brasileira admite que parte delas poderão ser garantidas.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 16 de Dezembro de 2014 às 19:28
  • Assine já 1€/1 mês
  • 10
  • ...

Na proposta da Oi para a venda da PT Portugal, enviada à PT SGPS, a operadora esclareceu que "a alienação da PT Portugal, nos níveis apresentados, envolve um 'enterprise value' de cerca de 22 mil milhões de reais (6,6 mil milhões de euros), recursos que após ajustes usuais nesse tipo de transacção seriam necessários para permitir à Oi poder participar do processo de consolidação do sector no Brasil".

 

E quanto à combinação de negócios com a PT SGPS, a Oi refere que "foi estimado um ganho potencial de valor em função das sinergias de 5,5 mil milhões de reais (1,6 mil milhões de euros) e que mesmo com a venda da PT Portugal, uma parte muito significativa desse valor é mantida, gerando valor para os accionistas da Oi e consequentemente para a PT SGPS e seus accionistas".

 

Essas sinergias são de três naturezas: financeiras, melhoria de processos e procurement, acrescentou a mesma fonte.

Detalhando, a operadora explica que "nas sinergias financeiras, são mantidos os ganhos fiscais gerados no aproveitamento dos ágios existentes nas holdings do grupo. Com relação às melhorias de processos, praticamente todos os projectos já estão implantados na Oi em áreas como facturação, logística, operações e equipamentos terminais e, portanto, os ganhos estão sendo realizados e serão mantidos. Em ‘procurement’, os ganhos relativos ao aproveitamento de melhores práticas e novos modelos de contratação permanecerão".

 

A Oi estima que a consolidação possa criar sinergias de 30 mil milhões de reais (9 mil milhões de euros), "do qual a Oi se beneficiaria na sua proporção na empresa adquirida" e que cerca de 50% desse  ganho vem de sinergias de investimentos".

 

As redes das operadoras móveis no Brasil são sobrepostas. A consolidação permitiria reduzir os investimentos sobrepostos com as redes de transmissão que cada uma das outras operadoras já possui. Os outros 50% provêm de sinergias operacionais, reduzindo-se gastos duplicados como publicidade e optimizando-se outros através de ganhos de escala, obtidos também em função da eliminação da sobreposição de redes, acrescenta a mesma fonte.

 

E com os desafios presentes do mercado brasileiro, a Oi confirma que a sua atenção não estará em Portugal e que "dadas as restrições impostas pela dinâmica da Oi, a alienação da PT Portugal para um grupo presente em Portugal e com provas dadas em mercados similares, pode ser benéfica para a PT Portugal na medida em que ela poderá ter um foco ampliado e aproveitar melhor as oportunidades locais de desenvolvimento".

Ver comentários
Saber mais PT Portugal PT SGPS Enterprise Value Brasil Portugal combinação de negócios
Mais lidas
Outras Notícias