Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Easyjet arranca com três novas rotas portuguesas

A Easyjet anunciou o aumento de rotas em Portugal para o Verão do próximo ano. Além disso vai colocar um terceiro avião no aeroporto do Porto.

Wilson Ledo wilsonledo@negocios.pt 03 de Novembro de 2015 às 10:48
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...

A companhia aérea low cost vai iniciar três novas rotas em Portugal no Verão de 2016, de acordo com o anúncio feito esta terça-feira, 3 de Novembro, pela Easyjet.

O aumento das rotas vai permitir criar ligações entre Porto e Funchal, Lisboa e Nantes e ainda entre Faro e Lyon.

A ligação entre Lisboa e Nantes arranca a 15 de Abril, com 3 frequências semanais. Faro-Lyon começa dois dias depois, com o mesmo número de voos. Já a conexão Porto-Funchal inicia-se a 20 de Maio, com 4 frequências semanais.

A Easyjet anunciou ainda a colocação de um terceiro avião, um A320, na sua base operacional no aeroporto do Porto. A mesma foi inaugurada em Março deste ano. A instalação da nova aeronave representa um investimento de 75 milhões de euros e a criação de mais 40 postos de trabalho directos, juntando-se aos 80 iniciais.

Com estas apostas e o reforço das frequências em algumas rotas, a EasyJet estima ultrapassar a fasquia dos cinco milhões de passageiros no próximo ano fiscal, que terminará em Setembro de 2016. Tal representa um crescimento homólogo de 14%. Nesse período realizará quase 32 mil voos nas cinco dezenas de rotas nacionais em que opera.

Quais as estimativas para os cinco aeroportos?

Porto: A Easyjet estima atingir 1,4 milhões de passageiros aqui em 2016, um aumento de 40% face a este ano. Estimam-se 5.900 voos para o Aeroporto Francisco Sá Carneiro.

Lisboa: Na Portela abre-se a vigésima rota. Para o próximo ano, a perspectiva de crescimento é de 9% neste aeroporto. Prevêem-se nove mil voos em 2016.


Faro:
 A intenção é apostar no mercado francês e procurar diminuir a sazonalidade deste aeroporto. A Easyjet estima um crescimento na ordem dos 8%.

Ponta Delgada: O destino inaugurado em Março deste ano, na sequência da liberalização do espaço aéreo açoriano, "é uma rota bem servida" e o "mercado está a reagir bem". Serão feitos reforços pontuais na altura do Natal e Ano Novo. Para o próximo fiscal, é esperado um crescimento de 148%. O valor tem em conta que a operação só se desenvolveu no período de Verão.

Funchal: Para o aeroporto madeirense, é esperado um crescimento de 18&% no próximo ano. A maior procura por parte dos residentes é um dos factores justificativos.

(Notícia actualizada às 13:05 com mais informação)

Ver comentários
Saber mais Easyjet aviação low cost transportes
Outras Notícias