Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Estado deve injetar mil milhões na TAP

O plano de ajuda à TAP ainda está a ser negociado, mas aponta para uma injeção estatal em redor de mil milhões de euros, avança a TSF.

Negócios jng@negocios.pt 22 de Maio de 2020 às 09:07
  • Assine já 1€/1 mês
  • 33
  • ...

A TAP deverá receber uma ajuda pública em redor de mil milhões de euros, noticia a TSF, dando conta que as negociações entre o governo e a companhia aérea ainda não estão fechadas mas decorrem agora com um "espírito mais positivo".

 

Segundo a estação de rádio, nas últimas duas semanas o Estado e acionistas privados da TAP estiveram sentados à mesa das negociações à procura de uma solução para salvar a companhia aérea. O valor da injeção a receber pela TAP ainda não está fechado, mas o cálculo deverá estar em linha com o definido nos apoios públicos a outras companhias aéreas europeias, que têm em conta o número de aviões e os passageiros transportados.

 

Falta também definir os moldes em que será feita a injeção do dinheiro do Estado, sendo que parece afastado um aumento de capital a ser efetuado também pelos privados. A ajuda pode passar por um empréstimo público ou um empréstimo privado garantido pelo Estado, sendo que em caso de incumprimento por parte da TAP, esses empréstimos devem converter-se em ações do Estado, refere a TSF, adiantando que afastados, para já, parecem estar os cenários de uma nacionalização ou mesmo o da insolvência.

O ministro das Infraestruturas e da Habitação disse terça-feira no no Parlamento que o Estado está disponível para intervir na TAP mas exige, em troca, repartir encargos com os privados e controlar o destino que será dado ao dinheiro, nomeadamente a movimentação da caixa e o que respeita à frota e à rede. Pedro Nuno Santos adiantou que a intervenção do Estado pode custar "umas centenas largas de milhões de euros”.

 

 

Ver comentários
Saber mais TAP TSF
Outras Notícias