Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo pode ter de injectar 1.200 milhões de euros na TAP

Segundo o Expresso, que cita cálculos da administração da TAP, a companhia aérea poderá precisar de uma injeção entre 800 e 1.200 milhões de euros.

Miguel Baltazar
Negócios jng@negocios.pt 23 de Maio de 2020 às 10:23
  • Assine já 1€/1 mês
  • 16
  • ...

A TAP poderá precisar de uma injeção de fundos públicos que poderá atingir os 1.200 milhões de euros, segundo avança uma notícia divulgada este sábado pelo semanário Expresso, que cita cálculos da administração da companhia aérea.

De acordo com o Expresso, os cenários traçados pela administração da TAP, que continua em negociações com o Governo, a empresa de aviação poderá precisar de uma injeção que varia entre 800 e 1.200 milhões de euros. O intervalo de valores depende das medidas de apoio transversais ao setor, bem como do tempo que vai demorar a retomar a atividade.

O sentimento da empresa, segundo a mesma notícia, é de isolamento. O debate em torno da ajuda à TAP tem estado em destaque, com o ministro Pedro Nuno Santos a deixar alguns avisos aos acionistas privados da companhia aérea.

O ministro das Infraestruturas e da Habitação disse terça-feira no no Parlamento que o Estado está disponível para intervir na TAP mas exige, em troca, repartir encargos com os privados e controlar o destino que será dado ao dinheiro, nomeadamente a movimentação da caixa e o que respeita à frota e à rede. Pedro Nuno Santos adiantou que a intervenção do Estado pode custar "umas centenas largas de milhões de euros".

Ver comentários
Saber mais TAP governo ajuda aviação covid-19
Mais lidas
Outras Notícias