Aviação TAP prolonga lay-off até fim de junho

TAP prolonga lay-off até fim de junho

O regime de lay-off na companhia aérea entrou em vigor a 2 de abril.
TAP prolonga lay-off até fim de junho
Pedro Curvelo 22 de maio de 2020 às 20:36
A TAP avançou esta sexta-feira que decidiu prorrogar a suspensão temporária da prestação do trabalho para cerca de 90% dos colaboradores e a redução do período normal de trabalho, em 20%, para os restantes 10%.

Em comunicado enviado à CMVM, a TAP defende que "as condições que motivaram a adesão e a subsequente prorrogação das medidas excecionais e temporárias não se alteraram significativamente".

Assim, "o Conselho de Administração da TAP entendeu prorrogar a aplicação das medidas de
suspensão temporária da prestação de trabalho e de redução do período normal de trabalho,
por um período suplementar de 30 dias, compreendido entre 1 de junho de 2020 e 30 de junho de 2020".

"Estas medidas específicas somam-se às já anunciadas iniciativas de controle e de redução de custos, incluindo a suspensão ou adiamento de investimentos não críticos, renegociação de contratos e prazos de pagamento, corte de despesas acessórias, suspensão de contratações de novos trabalhadores e de progressões e a implementação de programas de licenças sem vencimento temporárias, as quais continuam a ser implementadas", acrescenta.



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI