Aviação TAP vai encomendar 53 aviões novos

TAP vai encomendar 53 aviões novos

A TAP vai comprar novos aviões. Este anúncio é feito pela companhia num e-mail enviado aos seus clientes, onde enuncia as prioridades da companhia, depois de 61% do capital ter sido comprado pela Atlantic Gateway.
TAP vai encomendar 53 aviões novos
Bruno Simão/Negócios
Celso Filipe 13 de novembro de 2015 às 15:36

A TAP vai encomendar 53 novos aviões, de última geração. Esta promessa é feita pela companhia num e-mail enviado os seus passageiros frequentes, detentores do cartão de milhas.

Destes 53 aviões, 14 são Airbus 330-900 neo, de médio e longo curso,  e 39 Airbus 320neo, de médio curso.

 

No e-mail, a transportadora explica aos seus clientes o que signifca a compra de 61% da TAP por parte da Atlantic Gateway, formalizada na quinta-feira, 12 de Novembro. Sobre a renovação da frota a TAP escreve: "Foi já decidida a encomenda de 53 aviões novos, de última geração, mais confortáveis e eficientes, novos interiores de cabina, com produtos adequados a cada segmento de clientes, reforçando-se assim o foco da TAP na satisfação do cliente".

 

A transportadora sublinha que esta mudança de dono "garante, no entanto, que a TAP preserve todas as suas qualidades e carácter português, adicionando novas competências e experiências, reforçando o seu "hub" em Lisboa e assegurando, assim, não só a manutenção, como o reforço do seu papel na ligação da Europa a África e às Américas".

 

De acordo com a missiva, a prioridade imediata da Atlantic Gateway será a de consolidação da TAP, para numa fase seguinte se avançar "para o reforço da frota e da sua rede de destinos, nomeadamente no Brasil e na América do Norte".

No imediato, a prioridade vai para a adaptação e reforço dos métodos de trabalho e para a consolidação da TAP, a fim de que, numa fase seguinte, se avance para o reforço da frota e da sua rede de destinos, nomeadamente no Brasil e na América do Norte.

 

A mensagem, que tem a intenção clara de tranquilizar os clientes, sublinha que "A TAP inicia agora uma viagem para liderar o futuro de braços abertos, contando com a preferência dos seus clientes e com o reforço da colaboração com os seus parceiros de negócio".

(Notícia actualizada às 15:54 com o tipo de aviões encomendados)




pub