Aviação TAP vai fazer Caminho de Santiago duas vezes por dia

TAP vai fazer Caminho de Santiago duas vezes por dia

A rota entre Lisboa e a capital galega arranca em junho de 2020 com aviões ATR 72 para 70 passageiros. Há bilhetes à venda a partir de 57 euros e a promessa de levar os galegos para EUA, Brasil e África.
TAP vai fazer Caminho de Santiago duas vezes por dia
Lusa
António Larguesa 16 de dezembro de 2019 às 13:05

A TAP anunciou esta segunda-feira, 16 de dezembro, o início da venda de bilhetes para os voos entre Lisboa e Santiago de Compostela (Espanha), que arrancam a 5 de junho e vão realizar-se duas vezes por dia.

 

Com preços a partir de 57 euros, as ligações aéreas entre as capitais de Portugal e da Galiza vão ser cumpridas em aviões ATR 72 com capacidade para 70 passageiros, que sairão todos os dias do aeroporto Humberto Delgado às 8:30 e 14:05.

A transportadora liderada por Antonoaldo Neves frisa que, além de ligar as cidades do sul de Espanha a Compostela, via Lisboa, também vai assim disponibilizar aos galegos "as mais convenientes conexões para os destinos da companhia na América do Norte, Brasil, África e restantes países europeus para onde voa".

 

Além desta rota e de criar uma nova ponte aérea entre a capital portuguesa e Madrid, a TAP vai reforçar outras ligações a Espanha, acrescentando voos diários entre Lisboa e as cidades de Barcelona (seis para sete diários), Bilbau, Valência e Málaga, todos de dois para três diários, e Sevilha (de três para quatro voos diários).

 

No plano de rota para o verão de 2020, a empresa assumiu uma estratégia de reforço do foco nos EUA – voará para Nova Iorque, Newark, Miami, Washington e Chicago – e também no Brasil, onde prevê aumentar as frequências para as cidades de Natal e de Belém, crescendo de três para cinco voos por semana para cada um dos destinos.

Ajustes na oferta a partir do Porto

A oferta da TAP vai sofrer ajustes no segundo maior aeroporto do país, suspendendo as operações para Barcelona e Lyon, que "contam com ampla oferta da concorrência", e redirecionando a capacidade desses voos para uma nova ponte aérea entre Porto e Madrid, que contará com seis frequências diárias, mais que o dobro da oferta atual. Vai ainda ligar a Invicta ao Funchal com mais um voo diário, fazer a operação diária rumo a Newark e a quarta frequência semanal até São Paulo. Já a ponte aérea a jato para Lisboa ganha mais uma frequência diária em relação ao verão de 2019.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI