Transportes CP assume que falta de investimento está a degradar operação
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

CP assume que falta de investimento está a degradar operação

A CP diminuiu, no primeiro semestre, os prejuízos para 55,3 milhões de euros. A empresa diz que o agravamento das condições da infra-estrutura, as greves e a falta de comboios por incapacidade da EMEF penalizam os resultados.
CP assume que falta de investimento está a degradar operação
Miguel Baltazar
Maria João Babo 28 de agosto de 2018 às 21:39

A CP registou no primeiro semestre deste ano um aumento de 3,2% no número de passageiros e de 5,1% nos proveitos de tráfego. No entanto, a empresa admite que os resultados foram impactados "pelos diversos constrangimentos que afectaram

)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
Saber mais e Alertas
pub