Transportes Interessados têm nove meses para apresentar propostas ao novo terminal de Sines

Interessados têm nove meses para apresentar propostas ao novo terminal de Sines

O concurso público para a construção e exploração do terminal Vasco da Gama foi lançado, com um investimento estimado de 642 milhões de euros. O critério de adjudicação será o da melhor qualidade-preço.
Interessados têm nove meses para apresentar propostas ao novo terminal de Sines
Bruno Simão
Maria João Babo 15 de outubro de 2019 às 12:12

O concurso público para a concessão de construção e exploração do terminal Vasco de Gama, em Sines, já foi lançado, tendo agora os interessados nove meses para apresentarem propostas.

Esta segunda-feira foi publicado em Diário da República as regras deste concurso público internacional para um novo terminal de contentores que exigirá um investimento de 642 milhões de euros.

O Ministério do Mar prevê que a adjudicação ocorra no último trimestre de 2020 e que a obra tenha início em 2021, com uma duração aproximada de três anos. O prazo da concessão é de 50 anos.

O critério de adjudicação é o da melhor qualidade-preço, sendo que a qualidade ambiental terá uma ponderação de 5% e o custo de 95%.

O novo terminal terá uma capacidade de movimentação anual de 3,5 milhões de TEU (unidade equivalente a um contentor) e um cais com um comprimento de 1.375 metros com três posições de acostagem simultânea dos maiores navios do mundo. Terá ainda uma área de terrapleno de 46 hectares, 15 pórticos de cais e fundos de 17,5 metros.


No total, o novo terminal  de Sines vai representar um investimento estimado em cerca de 642 milhões de euros, de fundos privados a cargo da futura entidade concessionária, com 225 milhões aplicados em equipamentos e 417 milhões em infraestruturas. As previsões do Governo  apontam para que o novo terminal crie 1.350 postos de trabalho diretos na fase de exploração.


Nos últimos dias, a ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, "fechou" um investimento de 1,3 mil milhões de euros para o porto de Sines.

O lançamento do concurso para o terminal Vasco da Gama segue-se à assinatura, no passado sábado, entre a Administração do Porto de Sines e a PSA de um aditamento ao contrato de concessão do Terminal XXI  que vai permitir a realização de novos investimentos de expansão do cais e redimensionamento e modernização da infraestrutura. Com este acordo, a PSA Sines irá investir 660,9 milhões de euros no Terminal XXI nos próximos 20 anos da concessão.

O Ministério do Mar salienta ainda que o investimento privado superior a 1,3 mil milhões de euros junta-se ainda o necessário investimento público no porto de Sines, estimando que nos próximos cinco anos essa componente ronde os 300 milhões de euros, quer para o prolongamento do molhe leste quer para as ligações ferroviárias.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI