Turismo & Lazer As cinco etapas da crise do Tivoli
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

As cinco etapas da crise do Tivoli

O Grupo Espírito Santo entrou em insolvência. Muitas das suas empresas operacionais viram-se afectadas pelos problemas nas “holdings”. A empresa dos hotéis Tivoli é um exemplo.
As cinco etapas da crise do Tivoli
Diogo Cavaleiro 08 de outubro de 2015 às 00:01

1.No final de 2014, a Rioforte foi considerada insolvente no Luxemburgo. Uma sua subsidiária, a Hotéis Tivoli & Resorts, que controla a Tivoli SA e a Marinotéis, não conseguiu, por isso, ser vendida.

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI