Turismo & Lazer Brexit. O que preciso para viajar para o Reino Unido?

Brexit. O que preciso para viajar para o Reino Unido?

Nada muda, para já. Só depois de arrancarem as negociações para definir os contornos da saída do Reino Unido da União Europeia é que será possível esclarecer esta questão.
Brexit. O que preciso para viajar para o Reino Unido?
Reuters
Wilson Ledo 24 de junho de 2016 às 16:45

As dúvidas começaram a surgir na internet. Vou precisar de passaporte? O seguro de saúde europeu continua válido? Haverá deportações?

A resposta dada pela BBC é simples. Não, nada vai mudar a curto prazo. Se tem viagem para este Verão para o Reino Unido, mantém-se tudo como previsto. A existirem, as alterações só chegarão quando forem concluídas as negociações entre o Reino Unido e a União Europeia.


Os cidadãos europeus vão poder continuar a viajar de e para o Reino Unido sem passaporte. Os viajantes fora do espaço comunitário precisam de apresentar passaporte, podendo utilizar Londres como porta de entrada para o restante território da União Europeia.


Enquanto durarem as negociações, este é o modelo. Um dos cenários hipotéticos traçados pela BBC para depois é a existência de passaporte britânico e de acordos para facilitar as entradas e saídas de cidadãos europeus no Reino Unido.


O Cartão Europeu de Seguro de Doença, que permite assistência em caso de emergência, também continua em vigor. A BBC acredita que este sistema se mantenha mesmo após o Brexit, através de um acordo com a União Europeia. Também a carta de condução segue o mesmo percurso.


Vão os cidadãos de países da União Europeia manter-se no Reino Unido? É a última pergunta a que a BBC responde, afirmativamente. Nunca a campanha pela saída da União Europeia falou em deportações dos três milhões de cidadãos europeus a viver no Reino Unido, nem do regresso dos 1,2 milhões de britânicos a residir em países da União.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI