Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Férias - Quanto custa o exotismo?

Cavaco Silva pediu aos portugueses que passassem férias em Portugal. "Férias passadas no estrangeiro são importações e aumentam a dívida externa portuguesa", afirmou o Presidente da República no início de Junho. Vieira da Silva, ministro da Economia, Inovação...

Férias - Quanto custa o exotismo?
Ana Pimentel 01 de Julho de 2010 às 09:25
  • Partilhar artigo
  • ...

É um dos portugueses exótico por natureza? Saiba quanto custa temperar as suas próximas férias com uma pitada de excentricidade.


Cavaco Silva pediu aos portugueses que passassem férias em Portugal. "Férias passadas no estrangeiro são importações e aumentam a dívida externa portuguesa", afirmou o Presidente da República no início de Junho. Vieira da Silva, ministro da Economia, Inovação e Desenvolvimento, concordou que se devia apoiar o turismo interno, mas alertou que se todos os chefes de Estado fizessem o mesmo, Portugal perdia turistas.

A verdade é que só você decide onde vai passar as suas férias, se é que tem férias. De acordo com o último estudo à actividade turística, do Instituto Nacional de Estatística, em 2008, mais de 3,3 milhões de portugueses viajaram por lazer, recreio ou férias, durante quatro ou mais noites. Destes, 2,5 milhões fizeram-no dentro de Portugal, sendo que 754 mil voaram para o estrangeiro. Mais de 230 mil portugueses passaram férias fora da União Europeia.

A crise está para ficar, os números do desemprego comprovam-no. A OCDE - Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico, confirmou que a taxa de desemprego em Portugal atingiu 10,8% da população activa, em Abril. Existem cerca de 595 mil portugueses desempregados. Quem não ficou sem emprego, pode muito bem querer fugir da crise.

"Não estamos em ano de grande euforia relativamente a viagens. O país está em crise, o mundo está em crise e as viagens sofrem grandes quebras em alturas de dificuldades económicas", explicou ao Negócios fonte oficial da Netviagens, agência de viagens on-line que pertence ao grupo Espírito Santo Viagens. Ainda assim, se quiser descansar das palavras "impostos", "austeridade", "desemprego" e "dívida" numa espreguiçadeira à beira-mar, então leia as 10 propostas exóticas do Negócios.

Consenso sobre as Maldivas
Entre os destinos exóticos mais procurados, uma coisa é certa: Maldivas é uma opção consensual. As ofertas das agências de viagens contactadas para este destino custam entre 1620 e 2055 euros, caso opte por ficar num hotel de quatro ou de cinco estrelas, respectivamente. A Agência Abreu acrescenta mais dois destinos: Bali e Maurícias.

"Relativamente às grandes viagens, entre os destinos exóticos mais procurados, destacamos a China e a Índia", adianta fonte oficial da agência. A Abreu propõe uma descoberta ao país de "Quem quer ser Bilionário?" por 2.552 euros por pessoa, durante 15 dias. Está preparado para conhecer de perto as ruas que deram vida ao filme de Danny Boyle, vencedor de 8 Óscares em 2009, incluindo o de Melhor Filme?

A estes destinos de topo, a Top Atlântico acrescentou o Dubai, um dos sete Emirados Árabes Unidos da Península Arábica, banhado pelo Golfo Pérsico. A oferta para cinco noites no universo árabe custa 1.087 euros e é o pacote mais económico dos disponibilizados pelas agências. A Netviagens afirma que a Tailândia também teve alguma procura no primeiro trimestre do ano, apesar de agora ter estagnado devido à instabilidade no país. Outros destinos procurados pelos portugueses são Boavista, em Cabo Verde, Saidia e Marraquexe, em Marrocos, entre outros.

Cuidados antes de viajar
Depois de reunir as condições financeiras necessárias para se mimar num paraíso exótico, não vale a pena estragar as férias com imprevistos controláveis. Antes de partir em viagem para o paraíso, procure saber todos os cuidados que o seu destino exige. Nas Maldivas e Maurícias, não é obrigado a tomar quaisquer vacinas nem a obter um visto, por exemplo. Basta ter o passaporte válido. Quem vai para a China ou Índia tem de obter um visto previamente, na Embaixada do país em Portugal. Em Bali, o visto pode ser obtido à chegada.

"Além das precauções que deverão ter com a exposição solar e desidratações, ingestão de águas, utilização de repelentes, é sempre aconselhável a frequência da consulta de aconselhamento ao viajante, no Instituto de Higiene Medicina Tropical", diz Gonçalo Cintrão, da Exit, agência de viagens "on-line" operada pela GeoStar. Se houver necessidade de lhe administrarem vacinas, é lá que o farão. A marcação e consulta devem ser planeadas dois meses antes, no mínimo.

Questões como as que envolvem a sua segurança, por exemplo, devem ser tratadas juntos das embaixadas ou consulados dos países a visitar. É aí que deve procurar toda a informação útil sobre os destinos.

As viagens para destinos exóticos custam para cima de 1.000 euros por pessoa. Para economizar, regra geral, as agências de viagem aconselham a reservar antecipadamente a sua fuga ao quotidiano. "O objectivo é o de evitar suplementos aéreos por falta de lugares disponíveis nas classes mais baixas das companhias aéreas. Para a China e Índia, a Agência Abreu publica partidas garantidas com lugares de avião e quartos de hotel para confirmação imediata", explica fonte oficial da Abreu.

Gonçalo Cintrão, da Exit, acrescenta que, nos destinos verdadeiramente exóticos, onde não existe oferta com base em voos "charter", o segredo é apenas a antecedência da reserva. "Quanto maior for a antecedência, maior a probabilidade de conseguir melhores tarifas aéreas", adianta. Procurar evitar as temporadas mais altas também pode ajudar na poupança, visto que as viagens em Maio, Junho e Setembro são mais baratas do que em Julho ou Agosto.

"Neste tipo de destinos nunca há grandes promoções nem ofertas de última hora. Isso aplica-se a destinos mais massificados com programas em voos 'charter 'que, por vezes, têm promoções de última hora para escoar os lugares não vendidos", diz fonte oficial da Netviagens. Como nas ofertas exóticas a parte aérea é sempre feita em voos regulares e os lugares mais baratos são os primeiros a esgotarem, a antecedência é a melhor forma de garantir bom preço. "Esta opção é uma excelente forma de economizar. Permite beneficiar dos descontos lançados pela generalidade dos operadores e hotéis", diz fonte oficial da Top Atlântico.




Exerça os seus direitos

Se comprou um serviço que não foi executado devidamente, não desespere. O Provedor do Cliente existe para que possa reclamar.

Os imprevistos acontecem. Se alguma coisa correr mal nas suas férias, usufrua dos seus direitos enquanto consumidor e apresente uma reclamação na entidade competente. Se for uma viagem organizada, queixe-se junto da agência, usando o Livro de Reclamações. Para exigir uma indemnização por danos causados, contacte o Provedor do Cliente, da Associação Portuguesa de Viagens e Turismo (APAVT) ou o Turismo de Portugal. Os problemas com a companhia aérea, como atrasos ou perda de bagagem, devem ser resolvidos junto da agência ou da própria transportadora. Se tal não for suficiente contacte o Instituto Nacional de Aviação Civil (INAC).




Tome nota

1. Documentos em dia
Antes de partir de férias, prepare todos os documentos necessários. Certifique-se que possui o bilhete de identidade, passaporte ou cartão único válidos. Se for para um país em que seja preciso visto, como a Turquia ou a maioria dos estados africanos ou asiáticos, obtenha-o com antecedência.

2. Proteja a sua saúde
Se viajar para um país asiático, africano ou sul-americano, pode ser necessário tomar medidas preventivas para a sua saúde. Marque uma consulta de medicina das viagens com antecedência, para que se possa vacinar. Caso não seja possível consulta com um especialista em medicina de viagens, opte pelo seu médico de família.

3. Informe-se devidamente
Procure informar-se o melhor que puder sobre o seu destino, o estabelecimento onde ficará alojado e os meios de transporte. Dê esses contactos aos seus familiares e tente saber qual a localização do consulado português. Assim, sabe onde se poderá dirigir, em caso de necessidade. Confirme se os seus cartões de crédito e débito são aceites no destino.







10 Portas para o paraíso

Conheça as ofertas propostas pelas cinco agências de viagens contactadas pelo Negócios, para o mês de Agosto. A única palavra de ordem é o exotismo.


Dubai
1.087 euros

Com partidas diárias de Lisboa até 9 de Setembro, a Top Atlântico tem ao seu dispor cinco noites no Dubai, por 1.087 euros por pessoa. O preço inclui passagem aérea com a Qatar Airways, em classe económica, transferes, cinco noites no Hotel Habtoor Grand Resort, de quatro estrelas, em regime de pequeno-almoço. As taxas de aeroporto e combustíveis estão incluídas, bem como um seguro multiviagens. Excluídas ficam as despesas de reserva. O Dubai é um dos sete emirados dos Emirados Árabes Unidos e está localizado ao longo da costa sul do Golfo Pérsico, na Península Arábica. A sua capital também se chama Dubai e é conhecida pelos seus projectos imobiliários extravagantes.



Ilha da Boavista
1.389 euros

O que diz a sete noites no Hotel Riu Karamboa, cinco estrelas, na Ilha da Boavista em Cabo Verde? A oferta é da agência de viagens "on-line" Exit, operada pela GeoStar e inclui a passagem aérea, transferes, estadia desete noites em regime de tudo incluído, baptismo de mergulho em piscina, visto, taxas de aeroporto, segurança e combustível (160 euros por pessoa), hoteleiras e de serviço e um seguro de viagens. O preço é válido para férias entre 7 e 27 de Agosto, está sujeito a confirmação e disponibilidade, bem como o alojamento e as taxas. O Hotel situa-se na primeira linha da praia, a 1,5 km do aeroporto e a sete quilómteros da cidade de Sal Rei.



São Tomé
1.417 euros

Com partidas de Lisboa às sextas e sábados, a Top Atlântico tem ao seu dispor sete noites em São Tomé, por 1.417 euros por pessoa. Se quiser conhecer uma das duas ilhas principais que compõe a República Democrática de São Tomé e Príncipe, no Golfo da Guiné, só tem de se dirigir a um dos balcões da agência. Praias paradisíacas, águas azuis e quentes, plantações de café, de cacau, tartarugas e a própria cidade de São Tomé são motivos para fazer as malas e viajar. O pacote inclui a passagem aérea, transferes, alojamento em quarto duplo no Hotel Pestana São Tomé, de cinco estrelas, em regime de pequeno-almoço, taxas de aeroporto e combustível e seguro multiviagens.



Indonésia
1.533 euros

Bali pode acolhê-lo durante sete noites até Outubro, por 1.533 euros, através da Netviagens. Bali é uma das 17.500 ilhas do arquipélago da Indonésia, um paraíso tropical habitado por três milhões de pessoas, protegido por montanhas vulcânicas e rodeada pelas praias quentes banhadas pelo Oceano Índico. A estadia é no Hotel Melia Benoa, de quatro estrelas, em Tanjung Benoa, famosa pelas suas praias e variedade de desportos náuticos. Os preços incluem passagem aérea em voos KLM, taxas de aeroporto, segurança e combustível (303 euros por pessoa), transferes, alojamento e seguro multiviagens. As despesas de reserva e o visto. O visto obtém-se à chegada.



Maldivas
1.620 euros

O Paradise Island Resort e Spa, de quatro estrelas, fica a 30 minutos de barco de Malé e pode ser a sua próxima morada de férias. Por 1.620 euros, desfruta de sete noites naquele que é o destino exótico de referência, entre 26 e Julho a 23 de Agosto, através da Exit. Pode optar por ficar alojado em "bungalows" de água ou de praia, num cenário verdadeiramente paradisíaco. Na chegada, será transportado de lancha ou de hidroavião para o hotel. Pode relaxar em ilhas de areia branca, rodeadas de barreiras de corais e de um mar transparente, rico em peixes coloridos e exóticos. O preço inclui a passagem aérea, transferes, alojamento de sete noites em quarto duplo.



Maurícias
1.825 euros

As Maurícias esperam por si em pleno Oceano Índico. Descobertas por portugueses em 1550, as ilhas situam-se 800 km a este de Madagáscar e encontram-se rodeadas de recifes de coral. A água azul turquesa convida-o a sonhar. Porque não aproveitar para conhecer Grand Bassin, o lago sagrado onde milhares prestam homenagem a Shiva, deus hindu? Desde 1.825 euros por pessoa em quarto duplo, a Agência Abreu, permite que usufrua de sete noites paradisíacas em regime de meia pensão. O preço inclui a passagem aérea, transferes, taxas de aeroporto, segurança e combustíveis (251,63 euros), assistência no aeroporto em Portugal e um seguro multiviagens.



Maldivas
2.055 euros

Águas transparentes, areias brancas, tranquilidade absoluta, cerca de 1.200 ilhas salpicadas de palmeiras, barreiras de coral com abundante fauna e flora marinha. Bem-vindo às Maldivas. O programa da Netviagens promete-lhe sete noites no Medhufushi Island Resort, de cinco estrelas, em Male, por 2.055 euros por pessoa em regime de meia pensão, até 23 de Agosto. Entre 23 e 31, o preço desce para 2.035 euros. A oferta estende-se até Outubro, mas está sujeita a disponibilidade. O pacote inclui passagem aérea em classe económica, taxas de aeroporto e combustível (235 euros por pessoa), transferes, alojamento, taxas hoteleiras e seguro multiviagens.



Malásia
2.550 euros

A Allways permite que desfrute dos encantos da Malásia durante sete noites, no hotel de quatro estrelas "Cherating Beach", por 2.550 euros por pessoa, em quarto duplo. O pacote inclui a passagem aérea entre Lisboa e Kuantan, que tem duas escalas: numa cidade europeia e na cosmopolita Kuala Lumpur, capital do país. A estadia de sete noites no hotel conta com regime de tudo incluído e fica segurado por um seguro de viagens. Esta oferta dá-lhe acesso a aulas desportivos e as taxas de aeroporto, segurança e combustível ficam pagas. A Malásia situa-se no sudeste asiático, sendo que as ilhas de Mabul e Sidapan, são um paraíso para quem é fã do mergulho.



Índia
2.552 euros

Porque não 15 dias a percorrer o "caminho das índias"? Pode visitar Delhi, Sikandra, Agra, Fatehpur Sikri, Jaipur, Udaipur, Bombaim, Cochim, Kumarakom, Backwaters e Alleppey por 2.552 euros por pessoa, em quarto duplo e regime de alojamento e pequeno-almoço. A oferta da Agência Abreu inclui bilhete de avião, transferes, taxas de aeroporto, segurança e combustível (361 euros), visitas com guia local em espanhol ou inglês, assistência no aeroporto em Portugal e seguro multiviagens. Excluídas estão as despesas de reserva (29 euros por processo) e as taxas estão sujeitas a alterações. O pacote em causa está sujeito a haver disponibilidade.



Maurícias
3.460 euros

Dentro da experiência Allways Exotic, a Allways propõe-lhe sete noites em "Les Villas d'Albion", de cinco estrelas, na Ilha Maurícia, por 3.460 euros por pessoa, em quarto duplo. Na oferta, está incluída a passagem aérea entre Lisboa e a ilha, com escala numa cidade europeia, estadia numa "villa" com vista para o mar e em regime de tudo incluído, serviço de "concierge" e mordomo dedicado, seguro de viagens e taxas de aeroporto. Um cenário verdadeiramente paradisíaco, onde pode descansar do stress do dia-a-dia e onde um "concierge" se encarregará de ter tudo o que precisa. O Oceano Índico e os seus recifes de coral estão à sua espera, bem perto de Madagáscar.




Ver comentários
Outras Notícias