Turismo & Lazer Governo português quer 1,5 milhões de turistas brasileiros até 2021

Governo português quer 1,5 milhões de turistas brasileiros até 2021

O Governo português pretende que o número anual de turistas brasileiros aumente para 1,5 milhões de pessoas até 2021, disse à Lusa, na quarta-feira, a secretária do Turismo de Portugal.
Governo português quer 1,5 milhões de turistas brasileiros até 2021
Filipe Farinha
Lusa 13 de junho de 2019 às 09:56

"Duplicámos de 2015 para 2018, portanto, crescemos de 500 mil para um milhão. O nosso objetivo é que continuemos nesta dinâmica para, nos próximos três anos, ultrapassarmos o número de 1,5 milhões de turistas brasileiros", afirmou Ana Mendes Godinho.

 

No final de uma viagem de sete dias ao Brasil, onde participou em eventos de promoção de Portugal como destino turístico no Rio de Janeiro e em São Paulo, a governante sublinhou que os números do mercado brasileiro são animadores.

 

"O Brasil é o quinto maior emissor de turistas para Portugal e tem uma característica interessante porque a vinda dos brasileiros é menos sazonal. Isto significa que os brasileiros viajam em qualquer época do ano", destacou.

 

No primeiro trimestre deste ano, a emissão de turistas do Brasil para Portugal avançou 28,6%, sendo o mercado com maior crescimento no período em análise, de acordo com dados da Secretaria de Turismo portuguesa.

 

Em 2018, o Brasil foi o segundo mercado com maior crescimento na emissão de turistas para Portugal, ao registar uma subida de 13%, atrás dos Estados Unidos, que cresceram 21,8% no mesmo período.

 

Atualmente, os cinco maiores mercados emissores de turistas para Portugal são Reino Unido, Alemanha, Espanha, França e Brasil.

 

Dada "a sua grande dimensão enquanto emissor de turistas, as acessibilidades aéreas privilegiadas, a elevada despesa média e baixa sazonalidade, o Brasil continua a ser uma aposta estratégica para o turismo português, com enorme potencial de crescimento", frisou.

 

A representante do Governo português explicou que, além de aumentar o número de visitantes brasileiros, tem sido foco de trabalho a promoção de iniciativas para aumentar as receitas obtidas com a atividade turística, bem como a diversificação dos destinos.

 

"Os turistas brasileiros gostam de descobrir o país, portanto, há uma grande concentração de brasileiros a visitar as regiões do Centro, do Porto e Norte, e do Alentejo. É um mercado que nos interessa também por isto", contou.

 

"Se conseguirmos aumentar em 10% as receitas turísticas obtidas com os visitantes brasileiros, será muito para os investimentos que estamos a fazer neste mercado", acrescentou Ana Mendes Godinho.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI