Turismo & Lazer Invasão polaca a Portugal com crescimento de 35% no turismo

Invasão polaca a Portugal com crescimento de 35% no turismo

As dormidas de turistas da Polónia foram as que mais cresceram em percentagem entre Janeiro e Abril nos principais mercados emissores. Olhando para Abril, o número de espanhóis caiu 25% devido à Páscoa este ano ter sido em Março.
Invasão polaca a Portugal com crescimento de 35% no turismo
Bruno Simão
André Cabrita-Mendes 15 de junho de 2016 às 11:50
Os polacos estão a visitar mais Portugal. O número de dormidas de turistas da Polónia cresceu 35% nos quatro primeiros meses face ao ano passado.

Este foi o mercado que mais cresceu entre os treze principais mercados emissores, que representam a maioria das dormidas de não residentes. Em termos absolutos, os turistas da Polónia ficam em último lugar entre os 13 principais mercados emissores, com 116,5 mil dormidas.

Os dados constam do boletim mensal do turismo do Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgado esta quarta-feira, 15 de Junho.

Seguem-se as dormidas de residentes dos Estados Unidos, que cresceram 24% entre Janeiro e Abril, e as de espanhóis com um aumento de 21%.

A única variação negativa registada nos primeiros meses foi de brasileiros, com uma queda de 7,7% face a igual período de 2015.

Estes 13 mercados emissores foram responsáveis por 8,8 milhões de dormidas em Portugal nos primeiros quatro meses, com o Reino Unido a liderar (1,9 milhões), seguido da Alemanha (1,4 milhões) e Espanha (930 mil).

Olhando para os números globais entre Janeiro e Abril, o número de hóspedes em Portugal aumentou 12,6% para 4,7 milhões e as dormidas 12,8%. para 12,4 milhões.

A hotelaria em Portugal registou um crescimento de 7,7% no número de hóspedes para 1,6 milhões de hóspedes. Já o número de dormidas cresceu 6,2% para um total de 4,1 milhões.

O INE sublinha que estes resultados "ficaram bastante aquém" dos registados em Março (quando registaram crescimentos de 20%), devido à Páscoa em 2015 ter ocorrido em Abril.

O facto da Páscoa ter calhado num mês diferente este ano provocou uma queda de 25% nas dormidas de espanhóis e de 17% nas dormidas de belgas. Olhando para o crescimento apenas em Abril, as dormidas de holandeses foram as que mais cresceram (25%), seguidos dos franceses (20%).



pub

Marketing Automation certified by E-GOI