Turismo & Lazer Lisboa é a 15ª cidade mais visitada da Europa. Londres continua a liderar a lista

Lisboa é a 15ª cidade mais visitada da Europa. Londres continua a liderar a lista

A capital portuguesa ocupa a 15ª posição na lista das cidades mais visitadas da Europa, e a 38ª do ranking global. As cinco cidades, a nível mundial, que recebem mais visitantes são, além de Londres, Banguecoque, Paris, Singapura e Dubai.
Lisboa é a 15ª cidade mais visitada da Europa. Londres continua a liderar a lista
Rita Faria 09 de julho de 2014 às 13:11

A capital portuguesa subiu um lugar na lista das cidades europeias que recebem mais visitantes e ocupa, este ano, a 15ª posição. De acordo com a edição deste ano do Global Destinations Cities Index, da Mastercard, Lisboa está na 38ª posição do ranking global, que compreende 132 cidades.

 

As estimativas apontam para cerca de 3,15 milhões de visitantes internacionais a pernoitarem este ano em Lisboa, o que representa uma subida de 310 mil visitantes face a 2013. Quanto aos montantes despendidos pelos visitantes internacionais na capital portuguesa, o índice da MasterCard estima que, em 2014, atinjam os 1,4 mil milhões de euros, face aos 1,17 milhões de euros registados em 2013.

 

No topo do ranking está Londres, que é o destino mundial com mais visitantes internacionais pela terceira vez em quatro anos, ultrapassando Banguecoque que, depois de alcançar o primeiro lugar em 2013, desce agora uma posição, ficando em segundo lugar. Em terceiro está Paris, em quarto, Singapura, e em quinto, o Dubai.  

 

Na Europa, além de Londres e Paris, o top 5 é constituído por Istambul, Barcelona e Amesterdão.

 

"Lisboa continua a manter uma posição de relevo no ranking, demonstrando ser um importante destino de lazer e de negócios. Olhando para as cidades europeias no topo do ranking verificamos que lideram em indicadores como as infraestruturas e o investimento, associados a uma tradição cultural e histórica", refere Paulo Raposo, director da MasterCard em Portugal, em comunicado. "No entanto, pelo crescimento a que assistimos em vários países emergentes, os actuais líderes não devem tomar o seu lugar como garantido – o mesmo se aplica a Lisboa".

 

As cidades de Kuala Lumpur, Hong Kong e Seul encerram o top 10 do ranking global. Segundo a Mastercard, os principais destinos mundiais estão a beneficiar do forte crescimento nas viagens internacionais que resulta da expansão da classe média, das inovações no segmento das viagens de luxo e da crescente necessidade de viagens de negócios. O índice também indica que esta tendência deverá continuar, apesar das novas ferramentas tecnológicas e de colaboração disponíveis para as empresas.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI