Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Número de hóspedes na hotelaria portuguesa aumenta quase 9% em Julho

Os dados do INE mostram que, no mês de Julho, a hotelaria portuguesa registou 1,9 milhões de hóspedes e 6,1 milhões de dormidas. Os proveitos totais subiram 12,9% e os proveitos de aposento avançaram 15,3%.

Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 15 de Setembro de 2015 às 12:07
  • Partilhar artigo
  • ...

A hotelaria nacional obteve 1,9 milhões de hóspedes no mês de Julho, de acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), divulgados esta terça-feira, 15 de Setembro. Este valor representa um crescimento homólogo de 8,8%. As dormidas ascenderam a 6,1 milhões, mais 6,7% que em igual período do ano passado. O gabinete de estatística sustenta que "estes resultados estão em linha com o mês anterior (+8,5% e +7,0%) e com os do período acumulado de Janeiro a Julho (+8,8% e +7,3%)".

Por outro lado, verifica-se uma desaceleração ligeira do aumento das dormidas de não residentes. Segundo o INE, o aumento das dormidas dos não residentes foi de 6,5% em Julho quando em Junho tinha sido de 7,9%. De Janeiro a Julho, o aumento das dormidas dos mercados externos foi de 7,3%.

"O Reino Unido apresentou um acréscimo de 11,8% nas dormidas, o melhor resultado desde o início do ano (+6,8% no período de Janeiro a Julho). A representatividade deste mercado foi de 24,6%, superior à de Julho de 2014 (23,5%). Espanha (12,4% das dormidas de não residentes) apresentou um ligeiro acréscimo (+0,2%), interrompendo a tendência de redução nos últimos três meses (-0,6% em Junho, -11,0% em maio e -11,1% em Abril). O mercado alemão manteve uma evolução positiva assinalável (+14,8%), tal como o francês (+10,5%)", refere o INE.

Os dados do gabinete de estatística dão ainda nota de um acréscimo de dormidas de hóspedes brasileiros, que cresceram 18,8%, e de hóspedes belgas, que subiram 13,8%.


Os proveitos totais fixaram-se em 315,6 milhões de euros e os de aposento ascenderam a 237,2 milhões de euros, "correspondendo a acréscimos de 12,9% e 15,3% respectivamente". "Os resultados de Julho foram superiores aos dos sete primeiros meses do ano (+12,3% e +14,4%)".

Ver comentários
Saber mais turismo INE hotelaria proveitos Julho
Outras Notícias