Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PGR abre a porta à renegociação entre Violas e o Estado

Parecer da Procuradoria-Geral da República, solicitado e já homologado pela secretária de Estado do Turismo, dá parcialmente razão à Solverde, devendo o Estado disponibilizar-se para alterar as contrapartidas exigidas aos três casinos algarvios do grupo de Manuel Violas.

“Vamos pedir uma audiência à secretária de Estado e ver se, com este parecer, a situação muda”, reagiu Manuel Violas. Paulo Duarte
Rui Neves ruineves@negocios.pt 04 de Novembro de 2018 às 22:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Além do pagamento de impostos sobre as receitas brutas, que variam entre os 30% e os 50%, a maioria dos casinos portugueses está ainda obrigada a pagar uma contrapartida mínima ao Estado sobre as receitas obtidas, independentemente dos montantes de facturação em causa. Resultado: esta taxa é tanto maior quanto mais baixa for a facturação.

Esta contrapartida mínima foi negociada em 2001, aquando da prorrogação ...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais casinos solverde jogo concessões turismo pgr procuradoria parecer manuel violas
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias