Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

S. Pintos abre primeiro Meu Hotel com 50 quartos em Gandra

O grupo dos irmãos Fernando, Rui, Vasco e Berto Pinto investiu cerca de dois milhões de euros na abertura da primeira unidade hoteleira da marca Meu Hotel, que fica localizada no concelho de Paredes, terra natal da S. Pintos.

Rui Neves ruineves@negocios.pt 10 de Dezembro de 2021 às 14:07

Esta quarta-feira, 8 de dezembro, abriu em Paredes o Meu Hotel Porto Gandra, denominação que incorpora o nome da freguesia em que se situa e que sinaliza o facto de estar próximo da cidade Invicta.

 

Esta nova unidade hoteleira, que tem 50 quartos e resulta de um investimento de cerca de dois milhões de euros, é o primeiro da marca Meu Hotel lançado pelo grupo S. Pintos - Engenharia e Construção, uma sociedade constituída pelos irmãos Fernando, Rui, Vasco e Berto Pinto, que detém diversas empresas do setor da construção e imobiliário.

 

Localizado junto ao polo universitário GESPU, o Meu Hotel Porto Gandra, que gerou a criação de uma dezena de postos de trabalho, abriu as portas em regime de "soft opening" e pretende manter esta modalidade até ao final do ano.

 

"Esta abertura em regime de ‘soft opening’ dá-nos a oportunidade para aperfeiçoar os serviços e o funcionamento das instalações, através do ‘feedback’ dos clientes e visitantes do hotel, de modo a criarmos um maior conforto para os hóspedes", explica Vasco Pinto, CEO da S. Pintos e administrador do hotel, em comunicado.

 

Estimando em 500 mil euros o valor da faturação do hotel no próximo ano, o empresário considera que "o investimento em hotelaria diversifica as áreas de negócio do grupo".

 

De resto, "apesar da atual oscilação do mercado turístico devido à pandemia, Paredes necessitava de mais oferta hoteleira, com a proximidade à cidade do Porto e as boas acessibilidades", defendendo que "o Meu Hotel Porto Gandra é mais uma unidade com capacidade de resposta no alojamento de qualidade".

 

O Meu Hotel Porto Gandra, que tem como tarifa base para uma noite com pequeno-almoço 47 euros, está equipado, entre outras valências, com sala de reuniões e eventos, bar e restaurante, um espaço "fitness" e parque de estacionamento, onde irá ainda disponibilizar três lugares de carregamento para veículos elétricos.

 

O conceito do hotel "foi inspirado no significado do nome Gandra - ‘Vara de Urze branca’. A urze é uma planta que se caracteriza por uma imagem de simplicidade, isto permitiu-nos usar tonalidades e texturas da natureza. O uso da madeira em estado natural, mas que ao mesmo tempo reflete um toque moderno de sofisticação contemporânea, através das cores e formas", explica Vasco Pinto, adiantando que "os pisos estão divididos em cores alusivas à natureza".

Ver comentários
Saber mais meu hotel porto gandra s. pintos gandra paredes vasco pinto
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio