Bolsa BCP e Jerónimo Martins impulsionam bolsa nacional

BCP e Jerónimo Martins impulsionam bolsa nacional

Os dados económicos positivos divulgados na China estão a suportar os ganhos das bolsas europeias neste arranque de semana.
A carregar o vídeo ...
Nuno Carregueiro 02 de dezembro de 2019 às 08:19

O PSI-20 abriu a sessão a subir 0,55% para 5.155,52 pontos, com 12 ações em alta, três em queda e três sem variação.


A bolsa portuguesa está a acompanhar o sentimento positivo desta que é a primeira sessão da semana e do mês nas praças europeias. A evolução positiva deve-se sobretudo ao facto de a China ter revelado que a atividade industrial, medida pelo índice PMI, subiu em dezembro e excedeu as expectativas mais otimistas dos economistas.


O abrandamento da segunda maior economia do mundo devido à guerra comercial com os EUA tem sido um dos fatores de pressão sobre os mercados acionistas este ano, daí que este indicador esteja a ter impacto positivo, pois sugerem que a economia chinesa está a conseguir dar a volta.

Os índices europeus marcam ganhos em torno de 0,5% e o PSI-20 consegue acompanhar, depois de duas sessões em terreno negativo.

O índice português está a ser impulsionado por todas as cotadas com maior peso no índice, com destaque para o Banco Comercial Português (+0,77% para 0,1975 euros) e para a Jerónimo Martins (0,86% para 14,62 euros).


No setor energético a tendência também é positiva, com a Galp Energia a ganhar 0,44% para 14,84 euros e a EDP a valorizar 0,14% para 3,675 euros.  O Negócios noticia hoje que a EDP vai arrancar com um investimento de 500 milhões de euros na rede de distribuição elétrica para "acelerar as redes inteligentes".


Destaque ainda para a valorização das ações dos CTT (+1,63% para 3,126 euros), Sonae (+0,82% para 0,918 euros), Altri (1,15% para 5,715 euros) e Nos (0,73% para 4,96 euros). 




Marketing Automation certified by E-GOI