Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

A semana em oito gráficos: Bolsas europeias em alta, cobre em máximos e juros sobem

As bolsas europeias vivem novo período de entusiasmo com várias praças em máximos de mais de um ano. O último dia da semana trouxe dados desapontantes nos EUA e o dólar perdeu ainda mais terreno. Já nas matérias-primas os preços não cessam de escalar.

Madrid lidera ganhos e atinge máximo de 14 meses

Madrid lidera ganhos e atinge máximo de 14 meses
As principais praças europeias viveram uma semana positiva, com Madrid a liderar os ganhos e a atingir o valor mais alto desde o final de fevereiro de 2020. O abrandamento da pandemia e a convicção de que a política expansionista se irá manter ajudou as bolsas.

PSI em máximo de quatro meses

PSI em máximo de quatro meses
O principal índice da bolsa portuguesa avançou quase 2% em cinco sessões e terminou a semana em máximos de quatro meses. O PSI-20 já acumula uma subida de mais de 5% desde o início do ano. A última sessão foi decisiva para a dimensão dos ganhos semanais.

Lucros levam CTT a liderar ganhos

Lucros levam CTT a liderar ganhos
Os CTT foram a cotada do PSI-20 com maior subida semanal, ao escalarem 12,25%. Os ganhos foram alcançados na sua maioria na última sessão da semana, após a empresa ter anunciado que duplicou os lucros trimestrais. A Navigator também subiu mais de 10%.

Dinamarquesa ISS disparou quase 19%

Dinamarquesa ISS disparou quase 19%
A dinamarquesa ISS, de serviços de limpeza, disparou quase 19% na semana, animada pelos resultados acima do esperado. Também o espanhol Sabadell brilhou com um ganho semanal de cerca de 16% com os rumores de uma oferta de fusão por aquisição por parte do BBVA.

Lucros dão ganho de 19% à Gartner

Lucros dão ganho de 19% à Gartner
A consultora Gartner acumulou uma subida semanal de 19% “à boleia” dos fortes resultados trimestrais apresentados. A empresa quase duplicou os lucros face ao estimado pelos analistas. A operadora de cruzeiros Norwegian Cruise Line sofreu uma queda de 8,8%, após reportar perdas acima do esperado.

Euro avança para máximo de dois meses

Euro avança para máximo de dois meses
A moeda única europeia ganhou mais de 1% na semana face à nota verde com o dólar a acentuar as perdas na sexta-feira, após os dados da criação de emprego nos EUA terem ficado muito abaixo das estimativas. A libra valorizou ainda mais do que o euro e aproximou-se dos 1,4 dólares.

Prata lidera “rally” nas matérias-Primas

Prata lidera “rally” nas matérias-Primas
O “rally” das matérias-primas não dá sinais de abrandar e a semana fica marcada por ganhos robustos nas várias “commodities”. A prata escalou 5,6%, enquanto o cobre bateu máximos históricos. Esta tendência tem vindo a ser alimentada pelo otimismo quanto à retoma económica global.

Juros de Portugal em máximo de mais de 10 meses

Juros de Portugal em máximo de mais de 10 meses
As “yields” das dívidas soberanas europeias subiram esta semana e, no caso de Portugal, atinge mesmo o valor mais elevado desde finais de junho do ano passado. Os juros italianos foram os que mais se agravaram, enquanto nos EUA assistiu-se a uma queda nas “yields”.
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 08 de Maio de 2021 às 09:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Ver comentários
Saber mais Europa bolsa Wall Street petróleo juros câmbio
Outras Notícias