Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

A semana em oito gráficos: Europa e Wall Street em recordes. Petróleo de regresso aos ganhos

As bolsas europeias ganharam terreno, com o índice de referência Stoxx 600 a subir entre terça e sexta-feira e a marcar na última sessão da semana um novo máximo histórico, numa altura em que os investidores se focaram nos resultados trimestrais positivos de cotadas de peso e na garantia de uma política monetária flexível na região. Em Wall Street, na sexta-feira os três principais índices foram a recordes. E o petróleo regressou aos ganhos.

Contas e política monetária animam Europa

Contas e política monetária animam Europa
As principais praças europeias negociaram em alta, com os bons resultados trimestrais de cotadas de peso a ajudarem. A contribuir para a tendência esteve também a garantia dada pelo BCE de uma política monetária acomodatícia. O Stoxx 600 marcou um novo máximo histórico na sexta-feira, naquela que foi a quarta sessão consecutiva no verde.

Bolsa nacional sobe perto de 1%

Bolsa nacional sobe perto de 1%
A bolsa lisboeta acompanhou a tendência de subida das restantes praças do Velho Continente. O PSI-20 somou 0,91% no cômputo dos cinco dias, aumentando assim para 3,62% o seu ganho anual, com a EDP Renováveis e as papeleiras entre os títulos que mais sustentaram o índice de referência nacional.

EDP Renováveis lidera ganhos no PSI-20

EDP Renováveis lidera ganhos no PSI-20
A EDP Renováveis foi um dos títulos que mais impulsionou o PSI-20, a somar 5,91% na semana. No dia 21, a empresa disparou perto de 5% no fecho, depois de ter anunciado de manhã que iria entrar no mercado onshore do Reino Unido, através da aquisição de um portefólio eólico e solar de 544 MW.

EQT dispara no Stoxx600

EQT dispara no Stoxx600
A sueca EQT foi a cotada que mais valorizou na Europa, a disparar perto de 20%. A empresa de gestão e consultoria em investimento global foi sustentada pelo reporte das contas do segundo semestre, que agradaram ao mercado, com as receitas ajustadas a subirem 172% e os lucros a sextuplicarem.

Chipotle brilha no S&P500

Chipotle brilha no S&P500
A Chipotle Mexican Grill escalou 15,74% esta semana, impulsionada pelos bons resultados trimestrais anunciados esta semana. A empresa de restauração, famosa pelos seus “burritos”, superou as projeções para os lucros do segundo trimestre, o que a fez atingir máximos históricos na quinta-feira.

Dólar ganha tração face a libra e euro

Dólar ganha tração face a libra e euro
A nota verde ganhou terreno face a divisas como o euro e a libra, numa semana em que os receios em torno da variante delta da covid levaram os investidores a procurar ativos-refúgio, como é o caso do dólar, se bem que entretanto tenha regressado o apetite pelo risco.

Petróleo sobe com perspetiva de procura superior à oferta

Petróleo sobe com perspetiva de procura superior à oferta
Os preços do crude regressaram aos ganhos esta semana, animados sobretudo pela perspetiva de que a procura irá continuar a aumentar, superando a oferta nesta segunda metade do ano.

Juros da dívida aliviam na Europa

Juros da dívida aliviam na Europa
Os juros da dívida soberana da Zona Euro desceram de forma generalizada esta semana, reforçando a tendência depois de a reunião do Banco Central Europeu (BCE) de quinta-feira ter terminado com a autoridade monetária a reforçar a ideia de que continuará a estimular a economia enquanto a meta de inflação não for alcançada.
Carla Pedro cpedro@negocios.pt 24 de Julho de 2021 às 09:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
Ver comentários
Outras Notícias