Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Acções americanas fecham a subir com resultados acima das previsões

As acções americanas fecharam a subir depois de várias empresas, como a Motorola e a Ford terem apresentado resultados que ficaram acima das previsões dos analistas. Com o mercado ainda a «digerir» dois discursos da Fed, o Nasdaq subiu 0,86% e o Dow Jones

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 21 de Abril de 2004 às 21:05
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As acções americanas fecharam a subir depois de várias empresas, como a Motorola e a Ford terem apresentado resultados que ficaram acima das previsões dos analistas. Com o mercado ainda a «digerir» dois discursos da Fed, o Nasdaq subiu 0,86% e o Dow Jones cresceu 0,03%.

O Dow Jones [indu] terminou nos 1.995,63 pontos e o Nasdaq [ccmp] fechou a valer 10.317,62 pontos.

Várias empresas apresentaram resultados e, em regra geral, estes foram positivos, saindo acima das previsões dos analistas. Cerca de 77% das 173 empresas do S&P 500 que já apresentaram resultados superaram as previsões dos analistas.

A fabricante de telemóveis Motorola triplicou as previsões dos analistas e viu as suas acções valorizarem 18,43%. As acções da Ford avançaram 10,18%, depois da produtora de automóveis ter anunciado lucros que duplicaram as estimativas dos analistas.

Mas, mesmo apresentando resultados acima das previsões, a Coca-Cola, a JP Morgan Chase e a Whirpool viram as suas acções descerem, sinalizando a exigência dos investidores quanto aos resultados das empresas.

A produtora de refrigerantes caiu 0,46% e o terceiro maior banco dos Estados Unidos desvalorizou 2,36%.

Os investidores estiveram ainda atentos a novo discurso do presidente da Reserva Federal, que hoje adiantou que o crescimento vigoroso da economia americana ainda não está a produzir pressões inflacionistas.

Ontem Alan Greesnpan sugeriu que os juros nos Estados Unidos podem subir em breve, provocando a maior queda desde 24 de Setembro no S&P 500.

Mais lidas
Outras Notícias