Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Acções EUA em queda com dados do desemprego e ameaça de guerra; Intel cai 5% (act.)

As Bolsas nos EUA negociavam em descida, com o Nasdaq a cair 1,4%, e o Dow Jones a ceder 1,21%. Os dados do desemprego, a expectativa sobre o relatório de Blix e as estimativas da Intel deprimiam o mercado.

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 07 de Março de 2003 às 14:49
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
As Bolsas nos EUA negociavam em descida, com o Nasdaq a cair 1,4%, e o Dow Jones a ceder 1,21%. Os dados do desemprego, a expectativa sobre o relatório de Blix e as estimativas da Intel deprimiam o mercado.

O Nasdaq [CCMP] cotava em 1.284,65 pontos, e o Dow Jones [INDU] nos 7.581,27 pontos. O S&P 500 que ao longo de 2003 perde 6,6%, regredia 1,2% para cotar nos 815,25 pontos.

A declaração de George W. Bush de que poderia atacar o Iraque sem o aval das Nações Unidas (ONU), e as expectativas sobre o relatório que Hans Blix irá apresentar às 15h00 ao Conselho de Segurança da ONU, condicionavam as actividades no mercado de capitais.

Na industria dos semicondutores, a Intel caía 5,09% para 15,85 dólares (14,43 euros), depois de ter revisto em baixa as estimativas de vendas relativas ao primeiro trimestre.

No sector e influenciadas pelo anúncio da Intel, a Advanced Micro Devices (AMD) desvalorizava 1,5% para 5,24 dólares (4,47 euros) e a Applied Materials regredia 1,9% para 11,83 dólares (10,77 euros).

O fabricante de «software» Microsoft deslizava 0,98% para 23,04 dólares (20,98 euros), e a Cisco Systems perdia 2,7% a cotar nos 13,11 dólares (11,94 euros).

Os papéis da Boeing desvalorizavam 1,6% para 25,74 dólares (23,44 euros), depois do administrador executivo da empresa ter dito estar a considerar a hipótese de comprar a empresa de defesa britânica BAE Systems.

Outras Notícias