Bolsa Altri e Navigator disparam mais de 5% e animam bolsa

Altri e Navigator disparam mais de 5% e animam bolsa

A bolsa nacional subiu quase 2%, numa sessão de fortes ganhos no sector do papel, mas não só.
Altri e Navigator disparam mais de 5% e animam bolsa
Miguel Baltazar/Negócios
Sara Antunes 22 de junho de 2018 às 16:44
O PSI-20 subiu 1,90% para 5.575,41 pontos, com 14 cotadas em alta, três em queda e uma inalterada. Entre os congéneres europeus a tendência é igualmente de ganhos, com os índices a subirem em muito casos mais de 1%. Os ganhos expressivos do principal índice bolsista nacional, permitiram que o PSI-20 fechasse a semana com um saldo positvo de 0,11%.

A bolsa nacional acompanhou assim a tendência das congéneres europeias, que fecharam com ganhos, a beneficiar de dados económicos positivos na União Europeia. O PMI de Junho trouxe boas notícias, após meses de desaceleração contínua. O ritmo de crescimento da economia europeia aumentou de forma inesperada em Junho. Ainda que existam sinais de preocupação, é de destacar este sinal que contraria a tendência de desaceleração que se tem vindo a verificar.

Já perto do fecho das bolsas europeias, o presidente dos EUA escreveu um tweet no qual ameaçou a União Europeia de novas tarifas, desta vez sobre as importações do sector automóvel, caso o bloco não recue nas sanções com que avançou esta sexta-feira. Esta ameaça ainda fez tremer o sector automóvel, mas não foi suficiente para minar o entusiasmo dos investidores neste final de semana.

Na bolsa nacional, destaque para o sector do papel, num dia em que a Altri e a Navigator subiram mais de 5%. As acções da ex-Portucel ganharam 5,36% para 5,19 euros, a subir pela primeira vez em sete dias, e as da Altri subiram 5,13% para 8,61 euros. J
á a Semapa cresceu 2,95% para 22,65 euros.

 

Mas os ganhos não se focaram apenas neste sector. Na energia, a Galp apreciou 3,07% para 16,09 euros, numa sessão marcada pela subida acentuada dos preços do petróleo, depois de ter sido noticiado que os membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) vão mesmo avançar com um aumento de produção de petróleo. O barril do Brent, negociado em Londres e referência para Portugal, está a subir 2,37% para 74,78 dólares. Em Nova Iorque, a subida é de quase 4%.


Já a EDP avançou 1,53% para 3,395 euros e a EDP Renováveis cresceu 0,48% para 8,325 euros. 

O retalho teve um desempenho semelhante, com a Sonae SGPS a apreciar 2,40% para 1,108 euros e a Jerónimo Martins a subir 0,73% para 13,18 euros. 

(Notícia actualizada às 16:51 com mais informação)



Marketing Automation certified by E-GOI