Bolsa Arranque das negociações em Washington põe Wall Street em alta ligeira

Arranque das negociações em Washington põe Wall Street em alta ligeira

As bolsas norte-americanas abriram a sessão em alta ligeira, com os investidores à espera das conclusões da ronda negocial que se inicia hoje em Washington entre a China e os Estados Unidos.
Arranque das negociações em Washington põe Wall Street em alta ligeira
Reuters
Rita Faria 10 de outubro de 2019 às 14:45

Os principais índices norte-americanos abriram em alta ligeira esta quinta-feira, 10 de outubro, dia em que se dará início às conversações de alto nível entre os negociadores dos Estados Unidos e da China, em Washington, para tentar pôr fim a uma guerra comercial que se prolonga há cerca de 15 meses.

 

O índice industrial Dow Jones sobe 0,02% para 26.350,85 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq avança 0,15% para 7.916,07 pontos. O S&P500 valoriza 0,09% para 2.921,51 pontos.

 

Esta semana, as bolsas dos Estados Unidos têm oscilado ao sabor das notícias sobre a nova ronda negocial entre as duas potências. Na sessão de ontem, os principais índices subiram quase 1% devido ao otimismo em torno de um possível acordo, que foi reforçado depois de a Bloomberg ter noticiado que os Estados Unidos estavam a ponderar um pacto cambial com a China.

 

Esta quinta-feira, porém, o otimismo desvaneceu-se depois de a China ter pedido aos Estados Unidos que parem com a pressão "injustificada" sobre as empresas chinesas.

 

Para piorar ainda mais, o jornal South China Morning Post adiantou que os Estados Unidos e a China não fizeram qualquer progresso nas conversações de nível técnico levadas a cabo na semana passada.

 

"O que o mercado mais quer é que saia qualquer coisa concreta e tangível destas negociações", explicou à Reuters Andre Bakhos, diretor da New Vines Capital LLC em Nova Jérsia. "Há muitas variáveis, mas neste momento o ponto principal são as negociações comerciais".

A Apple sobe 0,45% para 227,98 dólares, depois de a Longbow Research ter melhorado a recomendação para as ações para "comprar", citando a forte procura pelo iPhone 11.

 

Também os fornecedores da Apple Skyworks Solutions Inc e Qorvo Inc valorizam mais de 3%, a beneficiar da melhoria da avaliação por parte da Cowen and Co.

 

Do lado oposto, a Cisco desce 2,11% para 45,85 dólares, depois de o Goldman Sachs ter revisto em baixo a recomendação para os títulos de "comprar" para "neutral".

 
(Notícia atualizada às 14:52)




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI