Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Banif dispara com notícias de que está a negociar venda da posição do Estado

Os títulos do Banif estão esta sexta-feira, 8 de Maio, a negociar em forte alta. Por esta altura avançam mais de 4% depois de terem disparado 9%. Este comportamento tem lugar depois de ter sido noticiado que o banco está a negociar venda de uma posição a investidores internacionais.

Ana Laranjeiro alaranjeiro@negocios.pt 08 de Maio de 2015 às 10:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 18
  • ...

O Banif está a subir 4,48% para 0,7 cêntimos tendo já esta manhã disparado 9,16% para os 0,73 cêntimos. Já trocaram de mãos mais de 174 milhões de acções esta manhã, sendo que a média diária dos últimos seis meses é em torno dos 100 milhões de títulos. O Banif tem uma capitalização bolsista de 821 milhões de euros.

 

Este comportamento tem lugar depois de ter sido revelado que as negociações para a venda de uma posição no Banif vão adiar a eleição da gestão para Agosto. Os herdeiros de Horácio Roque e a Auto-Industrial, maiores accionistas privados do Banif, propuseram o adiamento da eleição da nova administração do banco, agendada para a assembleia-geral convocada para 29 de Maio, segundo documentos publicados no site da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

 

Na edição desta sexta-feira, 8 de Maio, o Negócios avança que o Banif está em negociações avançadas com investidores interessados em comprar a participação do Estado. A proposta a votar na assembleia-geral não assume a existência de negociações, porém o Negócios sabe que as conversações decorrem há algumas semanas.

 

O objectivo é o reembolso do apoio público ao banco fundado por Horácio Roque, designadamente dos 700 milhões de euros injectados na subscrição de acções do Banif. Além disso, a instituição tem ainda por devolver 125 milhões aplicados em instrumentos de capital contingente ("CoCos"), do total de 1.100 milhões de que o banco beneficiou.

 

Em causa está uma posição de controlo no Banif. Actualmente, o Estado tem 60,53% do capital, e 49,37% dos direitos de voto. A preços de mercado, esta participação está avaliada em 470 milhões de euros.

Ver comentários
Saber mais Banif Horácio Roque Comissão do Mercado de Valores Mobiliários venda de posição do Estado investidores
Outras Notícias