Bolsa BCP e Jerónimo Martins sobem mais de 2% e impulsionam bolsa

BCP e Jerónimo Martins sobem mais de 2% e impulsionam bolsa

A bolsa nacional mantém a tendência de ganhos, ainda que um pouco mais moderados face à abertura, numa altura em que o BCP e a Jerónimo Martins são as cotadas que mais impulsionam. Entre os congéneres europeus a subida também supera os 1,5%.
BCP e Jerónimo Martins sobem mais de 2% e impulsionam bolsa
Miguel Baltazar/Negócios
Sara Antunes 10 de julho de 2015 às 10:08

O PSI-20 sobe 1,85% para 5.634,26 pontos, com as 18 cotadas em alta. O arranque de sessão foi mais positivo, com o índice a subir mais de 2%.


Entre os congéneres europeus o cenário é idêntico, com os principais índices a subirem entre 0,83% (do britânico Footsie) e 1,90% (do espanhol IBEX), numa altura em que os investidores demonstram confiança de que o impasse em torno da Grécia vai conhecer o seu fim, depois de ontem Atenas ter enviado as propostas aos parceiros. 

A proposta enviada a Bruxelas ainda é vaga na linguagem, mas oferece cedências nas pensões e nas taxas do IVA, incluindo a possibilidade de abolição progressiva da redução aplicada nas ilhas. Já nas despesas militares, Atenas quer menos cortes do que os exigidos pela troika. Em troca deste pacote de austeridade, pede "pelo menos" 53,5 mil milhões de euros de novos empréstimos aos parceiros.

 

Na bolsa nacional os ganhos estão a ser generalizados, com a banca e a Jerónimo Martins em destaque.

BCP está a subir 2,99% para 7,9 cêntimos. O BPI ganha 3,40% para 1,065 euros e o Banif aprecia 1,54% para 0,66 cêntimos.

Já a Jerónimo Martins está a avançar 2,33% para 11,615 euros, enquanto a Sonae SGPS valoriza 3,13% para 1,218 euros.

No sector da energia, a EDP ganha 1,3% para 3,51 euros, a EDP Renováveis cresce 1,61% para 6,58 euros e a Galp aprecia 0,58% para 10,46 euros. A REN segue a mesma tendência e sobe 1,39% para 2,551 euros.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI