Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa de Lisboa afunda. Jerónimo Martins é a única cotada a verde

Lisboa acompanha a tendência de quedas que se vive nos principais mercados europeus.

A carregar o vídeo ...
Marta Velho martavelho@negocios.pt 22 de Junho de 2022 às 08:15
  • Partilhar artigo
  • 8
  • ...
A Bolsa de Lisboa acordou esta quarta-feira pintada a vermelho, com o PSI a ceder 1,39% para 5869,58 pontos. Praticamente todas as cotadas do principal índice português estavam em queda no arranque, à exceção da Jerónimo Martins. A maior cotada da praça nacional avança 0,38%.

Já a Galp Energia é a empresa que mais cede, 3,15%, acompanhando o tombo do petróleo nos mercados internacionais, com o crude a desvalorizar também acima da fasquia dos 3% tanto na negociação de Nova Iorque como em Londres.

O BCP também regista um mau desempenho, cedendo 3,10% - é a segunda cotada na lista de desvalorizações. No grupo EDP, a casa mãe desvaloriza 1,71% e a Renováveis cede 1,80%. A empresa com o recuo mais ligeiro é a Mota-Engil, que ontem anunciou ter ganho um contrato de 580 milhões de euros no México. A construtora cede 0,32%.

A praça portuguesa acompanha a tendência generalizada de perdas que se vive na Europa, com as principais praças a registarem desvalorizações esta manhã, à medida que se acentuam os receios dos investidores face a uma recessão na economia mundial.


Notícia em atualização
Ver comentários
Saber mais PSI Lisboa Jerónimo Martins Bolsa de Lisboa economia negócios e finanças mercado e câmbios
Outras Notícias