Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa de Lisboa fecha no vermelho, com energia a pesar

A bolsa nacional fechou o dia no vermelho, com a Galp e as cotadas do grupo EDP a pesar.

A bolsa portuguesa destaca-se com uma escalada de 20% em menos de mês e meio.
Miguel Baltazar
Cátia Rocha catiarocha@negocios.pt 14 de Julho de 2021 às 16:42
  • Assine já 1€/1 mês
  • 28
  • ...
O PSI-20 encerrou a sessão desta quarta-feira a cair 0,57% para 5.166,57 pontos, em linha com as praças europeias, que também fecharam no vermelho. Das 18 cotadas que compõem o índice, 11 fecharam a cair, 4 em alta e 3 inalteradas. 

Por cá, as empresas do setor da energia penalizaram o índice, com destaque para a desvalorização da EDP Renováveis, que cedeu 1,71% para 20,64 euros. Já a casa-mãe, a EDP, cedeu 1,56% para 4,675 euros. Também a Galp desvalorizou nesta sessão, a ceder 1,58% para 8,696 euros. 

Ainda nos pesos pesados do índice, a Jerónimo Martins depreciou 0,59%, a cotar 16,83 euros. 

Com apenas quatro cotadas em terreno positivo, o BCP esteve em destaque, ao terminar a sessão com ganhos de 1,54%, com os títulos nos 13,17 cêntimos.

A Sonae e a Novabase também fecharam no verde, com ganhos de 0,44%. As ações da Sonae fecharam o dia nos 80,25 cêntimos e a Novabase nos 4,60 euros. 

A Altri, a Ibersol e a Pharol fecharam o dia inalteradas. 

(notícia atualizada)
Ver comentários
Saber mais bolsa PSI-20 mercados
Outras Notícias