A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa cai mais de 1,5% com apenas a EDP Renováveis a subir

Bolsa nacional segue em forte queda, a acompanhar a evolução das congéneres europeias, no dia em que os receios em relação a um desastre nuclear no Japão estão a aumentar.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 15 de Março de 2011 às 12:36
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
O PSI-20 desliza 1,66% para 7.833,04 pontos, com 19 acções em queda e uma a subir. Entre os congéneres europeus a tendência também é de queda, com os índices a caírem entre 2,51% (Footsie) e 4,20% (DAX).

O índice japonês Nikkei caiu hoje quase 11%, depois de o primeiro-ministro ter admitido que é elevada a probabilidade de uma fuga radioactiva na central nuclear de Fukushima. Este desastre é o principal responsável pelas quedas abruptas observadas nas bolsas europeias.

A subsidiária da EDP para as energias renováveis é inclusivamente a única cotada no PSI-20 que não cai, a beneficiar da apreensão face à energia nuclear trazida pelo desastre no Japão. As acções da EDP Renováveis sobem 2,39% para 4,925 euros, depois de ontem ter subido 6%.

Entre as quedas, destaque para os títulos da Galp Energia, que cedem 2,25% para 15,005 euros, numa altura em que a EDP também está a perder 1,45% para 2,711 euros.

Entre a banca, o BCP recua 2,14% para 0,64 euros, o BES cai 1,38% para 3,205 euros e o BPI desvaloriza 1,94% para 1,365 euros.

Das 19 acções que estão a desvalorizar, 15 estão a perder mais de 1%, entre as quais cinco estão a cair mais de 2%.

Ver comentários
Saber mais Bolsa mercados Euronext PSI-20
Mais lidas
Outras Notícias