Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa nacional inicia semana a ganhar; PSI20 sobe 0,49% (act.)

A Bolsa nacional iniciou a ganhar, em linha com as suas congéneres europeias, beneficiando da valorização da Portugal Telecom (PT), que inverteu a tendência pouco depois da abertura. O PSI20 crescia 0,49% e o PSI30 subia 0,43%.

João Mata 27 de Agosto de 2001 às 09:51
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A Bolsa nacional iniciou a ganhar, em linha com as suas congéneres europeias, beneficiando da valorização da Portugal Telecom (PT), que inverteu a tendência pouco depois da abertura. O PSI20 crescia 0,49% e o PSI30 subia 0,43%.

O PSI20 [PSI20], principal índice da Bolsa de Valores de Lisboa e Porto (BVLP), estava nos 7.717,69 pontos, enquanto o PSI30 marcava 3.581,46 pontos e o Euro Stoxx 50, que agrega as 50 maiores empresas europeias em termos de capitalização bolsista, crescia 0,72% para os 3.764,67 pontos.

A PT [PLTM] iniciou a sessão a apreciar 1,11% para cotar nos 7,30 euros (1.464 escudos), tendo alterado a tendência pouco depois, ao cair 0,97% para os 7,15 euros (1.433 escudos).

Nas subsidiárias do grupo liderado por Murteira Nabo, a PT Multimédia (PTM) [PTM] a ganhar 0,43% para os 9,24 euros (1.652 escudos) e a PTM.com [PTD] a valorizar 1,19% para os 2,56 euros (513 escudos).

O Banco Comercial Português (BCP) [BCP] começou o dia a cotar nos 4,46 euros (894 escudos), o mesmo nível registado no encerramento da sessão anterior, para depois valorizar 1,35% para os 4,52 euros (906 escudos), compensando a queda entretanto verificada pela PT.

A Telecel Vodafone [TLE] ganhava 0,56% para os 1,12% para os 7,23 euros (1.449 escudos), enquanto a Sonae.com [SNC], que controla a operadora móvel Optimus, avançava 0,56% para os 1,80 euros (361 escudos).

A Electricidade de Portugal (EDP) [EDP] abriu inalterada nos 2,92 euros (585 escudos), depois do «Diário Económico» ter noticiado que a eléctrica está a negociar parcerias em Espanha, na área da distribuição de gás natural, com a «holding» energética Galp Energia.

A ParaRede [PARA], empresa de tecnologias da informação (TI), iniciou a subir 3,33% para os 0,62 euros (124 escudos), enquanto as acções do grupo de media Impresa [IPR] avançavam 0,79% para os 2,55 euros (511 escudos).

Ver comentários
Outras Notícias