Bolsa Bolsa nacional sobe mais de 3% impulsionada pelo BCP, Nos e EDP

Bolsa nacional sobe mais de 3% impulsionada pelo BCP, Nos e EDP

O principal índice da praça nacional está a acentuar os ganhos registados durante a manhã, subindo agora mais de 3%. No resto da Europa, o sentimento é de ganhos, com os investidores optimistas que a proposta da Grécia possa conduzir a um acordo.
Bolsa nacional sobe mais de 3% impulsionada pelo BCP, Nos e EDP
Miguel Baltazar/Negócios
Ana Laranjeiro 10 de julho de 2015 às 12:45

A bolsa nacional está a acentuar os ganhos registados durante a manhã. O PSI-20 soma 3,25% para os 5.712,19 pontos, com as 18 cotadas que compõe o índice em terreno positivo. Na sessão de ontem, 9 de Julho, o principal índice da praça lisboeta encerrou a valorizar 3,98% - a maior subida diária desde 10 de Abril de 2013. No resto da Europa, o sentimento é igualmente de ganhos. O francês CAC 40 lidera as valorizações ao apreciar 3,28%, seguido de Lisboa e do principal índice espanhol, o IBEX 35, que avança 3,07%.

Esta evolução tem lugar numa altura em que a Grécia já apresentou as suas propostas relativas às medidas de austeridade. Propostas essas que se forem aceites pelos credores podem desbloquear um novo pacote de assistência financeira. Depois das medidas terem sido apresentadas aos líderes europeus, os investidores acreditam que estas vão ao encontro de exigências dos credores e podem conduzir a um acordo final.

"O mercado está satisfeito com o facto de o Governo grego tenha feito uma proposta que a população grega negou no domingo", disse à Bloomberg Guillermo Hernandez Sampere, do MPPM EK na Alemanha. "Em suma, os receios de uma saída da Grécia do euro afectou muito o mercado", tendo as pessoas vendido as suas acções para obter liquidez de forma rápida durante a semana devido às expectativas de uma desilusão, acrescentou.

Na bolsa nacional, os títulos do BCP, Nos e EDP são os que mais impulsionam a negociação. O BCP dispara 5,58% para 8,13 cêntimos, o BPI avança 5,83% para 1,09 euros e o Banif aprecia 3,08% para 0,67 cêntimos.

A Nos cresce 2,72% para 7,21 euros. A Pharol valoriza 6,47% para 39,5 cêntimos.


No sector energético, a EDP avança 2,71% para 3,559 euros e a EDP Renováveis soma 2,52% para 6,639 euros. A Galp Energia sobe 2,12% para 10,62 euros. A REN cresce 2,74% para 2,585 euros.


A Jerónimo Martins aprecia 1,72% para 11,545 euros. A Sonae sobe 4,32% para 1,232 euros.


Ainda em destaque pela positiva, esta a Mota-Engil, que dispara 8,62% para 2,495 euros. Ainda na construção, a Teixeira Duarte avança 3,83% para 57 cêntimos.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI