Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa nacional volta a negociar em terreno positivo com cinco empresas em máximos

O mercado português renovou esta terça-feira um novo máximo de Junho de 2011 e acumulou, com o ganho de hoje, uma valorização anual de 16,5%. Cinco cotadas negociaram em máximos, entre elas, o BCP que voltou a ganhar mais de 5%.

A carregar o vídeo ...
Ana Luísa Marques anamarques@negocios.pt 11 de Março de 2014 às 16:49
  • Partilhar artigo
  • 61
  • ...

O principal índice do mercado nacional avançou 0,98% para 7.641,78 pontos, com 14 cotadas em alta e cinco em queda (o PSI-20 negoceia com 19 cotadas até 24 de Março após a saída da Sonaecom), e lidera os ganhos anuais entre os principais mercados europeus: desde o início do ano o PSI-20 já valorizou 16,5%.

 

A bolsa nacional negociou esta terça-feira com cinco cotadas em máximos de, pelo menos, um ano: EDP, BCP, BPI, REN e Portucel (máximo histórico).

 

Em destaque voltou a estar, mais uma vez, o Banco Comercial Português ao subir, pela segunda sessão consecutiva mais de 5%. O banco liderado por Nuno Amado valorizou, durante a sessão, um máximo de 6,56% e negociou nos 23,73 cêntimos, o valor mais elevado desde Julho de 2011.

 

As acções fecharam a ganhar 5,30% para 23,45 cêntimos com mais de 301 milhões de títulos negociados.

 

O BCP não foi o único título do sector bancário que esteve em destaque na sessão de hoje. O Banif valorizou 3,36% para fechar nos 0,0123 euros, tendo negociado mais de 1,2 mil milhões de acções. O BPI renovou um novo máximo de Abril de 2010 ao tocar em 1,774 euros. As acções do banco liderado por Fernando Ulrich fecharam a ganhar 1,32% para 1,77 euros.  

 

Apenas o BES fechou em terreno negativo ao registar uma queda de 0,28% para 1,442 euros.

 

A travar um maior ganho na bolsa nacional estiveram os títulos da Jerónimo Martins e da Portugal Telecom. As acções da dona do Pingo Doce perderam 0,92% para 11,88 euros, enquanto a operadora recuou 1,09% para 3,26 euros. 

 

A REN ganhou mais de 1% um dia após ter anunciado que, em 2013, obteve um resultado líquido positivo de 121,3 milhões de euros, menos 1,8% do que no ano anterior. As acções da empresa chegaram a negociar nos 2,91 euros, o valor mais alto desde Abril, e fecharam nos 2,90 euros. 

 

A Portucel fechou o dia num novo máximo histórico, ao ganhar 0,19% para 3,24 euros.

 

(Notícia actualizada às 17h34)

Ver comentários
Saber mais bolsa nacional PSI-20 BCP BES Banif BPI
Outras Notícias