Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsas americanas terminam a perder; Nasdaq recua 0,53%

As Bolsas norte-americanas encerraram a desvalorizar, invertendo a tendência apresentada no início da sessão. O Dow Jones cedeu 0,56% e o Nasdaq resvalou 0,53%, diluindo os ganhos acumulados nas sessões anteriores.

João Mata 09 de Janeiro de 2002 às 21:10
As Bolsas norte-americanas encerraram a desvalorizar, invertendo a tendência apresentada no início da sessão. O Dow Jones cedeu 0,56% e o Nasdaq resvalou 0,53%, diluindo os ganhos acumulados nas sessões anteriores.

O Nasdaq [CCMP] fechou nos 2.044,89 pontos, enquanto o Dow Jones [INDU] terminou a sessão a marcar 10.094,09 pontos.

A Intel, fabricante de microprocessadores, caiu 0,62% para os 35,36 dólares (39,67 euros) e a Dell, que produz computadores, registou uma desvalorização de 0,84% para cotar nos 29,39 dólares (32,97 euros).

A Microsoft, maior empresa mundial de «software», cedeu 0,99% para os 68,69 dólares (77,06 euros), enquanto a sua congénere Oracle limitou as perdas registadas na Bolsa tecnológica norte-americana, ao trepar 6,16% para os 16,72 dólares (18,76 euros).

No Dow Jones, as descidas foram lideradas pelo conglomerado industrial e financeiro General Electric, que recuou 1,59% para os 38,36 dólares (43,03 euros), e pelo grupo de media Disney, que derrapou 3,91% para os 21,90 dólares (24,57 euros).

O «American Depositary Receipt» (ADR) da Portugal Telecom deslizou 2,07% para os 8,05 dólares (9,03 euros) e o da Electricidade de Portugal (EDP) desceu 3,25% para os 20,85 dólares (23,39 euros).

O ADR do Banco Comercial Português (BCP) perdeu 4,88% para os 18,71 dólares (20,99 euros), acompanhando a queda de 4,14% apresentada hoje pelas acções do banco liderado por Jardim Gonçalves na Bolsa nacional.

Outras Notícias
Publicidade
C•Studio