Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsas do EUA sustentadas pelo PIB

As principais bolsas norte-americanas encerraram hoje em alta, sustentadas pelos dados do PIB nos Estados Unidos, que revelam que a economia está a crescer a um ritmo que pode fazer subir os lucros das empresas sem provocar tensões inflacionistas.

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 25 de Maio de 2006 às 21:12
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As principais bolsas norte-americanas encerraram hoje em alta, sustentadas pelos dados do PIB nos Estados Unidos, que revelam que a economia está a crescer a um ritmo que pode fazer subir os lucros das empresas sem provocar tensões inflacionistas.

Em Nova Iorque, o Dow Jones fechou a ganhar 0,84%, para 11.211,05 pontos. O índice compósito Nasdaq valorizou 1,34%, fixando-se em 2.198,24 pontos. O Standard & Poor’s subiu 1,14%, para 1.272,88 pontos.

Os títulos da Wal-Mart lideraram o movimento de subida, sustentados pelo facto de o Bank of America Securities ter recomendado o investimento na maior retalhista do mundo. As acções das empresas ligadas à energia, como a Exxon Mobil, ganharam terreno com a expectativa de que o crescimento económico irá ajudar à procura de petróleo.

«Estávamos com receio da inflação, mas agora começamos a pensar que a Fed talvez já tenha parado de subir as taxas de juro», disse à Bloomberg Edward Hemmelgarn, presidente da Shaker Investments Inc.

O Departamento norte-americano do Comércio reviu hoje o crescimento do PIB no primeiro trimestre em 5,3%, contra uma anterior previsão de 4,8%. No entanto, o novo valor ficou abaixo dos 5,8% esperados pelos economistas inquiridos pela Bloomberg, o que aliviou os receios de que as taxas de juro da maior economia do mundo continuem a subir.

Outras Notícias