Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsas dos EUA abrem praticamente inalteradas

Os índices norte-americanos abriram praticamente inalterados com o petróleo a descer pela quinta sessão consecutiva. O Dow Jones perdia 0,05% e o Nasdaq 0,09%.

Maria João Soares mjsoares@negocios.pt 08 de Abril de 2005 às 15:02

Os índices norte-americanos abriram praticamente inalterados com o petróleo a descer pela quinta sessão consecutiva. O Dow Jones perdia 0,05% e o Nasdaq 0,09%.

O Dow Jones marcava 10.551,6 pontos enquanto o índice tecnológico Nasdaq apontava 2.020,51 pontos.

O petróleo segue a desvalorizar pela quinta sessão consecutiva, a descida mais prolongada desde Agosto do ano passado. Os analistas prevêem que esta tendência se mantenha na próxima semana uma vez que as refinarias norte-americanas estão a aumentar os níveis de produção, prevendo-se assim que o mercado estará abastecido de forma suficiente no Verão, época em que o consumo de combustíveis aumenta.

O crude negociado em Nova Iorque perdia 0,89% para os 53,63 dólares e o «brent» negociado em Londres descia 1,09% para os 53,45 dólares.

A Exxon Móbil perdia 0,51% para os 60,54 dólares.

A Alcoa, maior fabricante de alumínio do mundo, que ontem avançou mais de 4%, valorizava 0,73% para os 31,70 dólares continuando a beneficiar do facto de ter apresentado resultados do primeiro trimestre acima do esperado.

As farmacêuticas seguiam a perder. A Pfizer caia 1,04% para os 26,62 dólares depois de ontem ter anunciado a suspensão da comercialização de dois medicamentos para as dores. A Merck desvalorizava 0,39% para os 33,36 dólares.

Outras Notícias
Publicidade
C•Studio