Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsas dos EUA encerram a cair

As bolsas norte-americanas encerraram hoje a cair, empurradas pelas quedas das praças asiáticas e europeias, depois de serem emitidos avisos sobre novos atentados terroristas a alvos dos EUA e dos seus aliados. O Dow Jones encerrou a cair 0,59 % e o Nasda

Isabel Aveiro ia@negocios.pt 17 de Novembro de 2003 às 21:34
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As bolsas norte-americanas encerraram hoje a cair, empurradas pelas quedas das praças asiáticas e europeias, depois de serem emitidos avisos sobre novos atentados terroristas a alvos dos EUA e dos seus aliados. O Dow Jones encerrou a cair 0,59 % e o Nasdaq a recuar 1,07%.

O Dow Jones [INDU] fechou nos 9.710,83 pontos, enquanto o Nasdaq [CCMP] encerrou nos 1.909,61 pontos.

As preocupações com o terrorismo afectaram hoje todos os mercados, depois de um membro operacional da organização terrorista al-Qaida ter afirmado a um jornal árabe que o grupo irá realizar novos ataques terroristas. Assumindo as responsabilidades pelos últimos ataques em Istambul, na Turquia, a mesma fonte garantiu os próximos golpes irão destinar-se aos EUA e os seus aliados, inclusive o Japão, se este decidir enviar tropas para o Iraque.

O grupo Intel, líder mundial no fabrico de microprocessadores, liderou a queda das acções de empresas relacionadas com o sector informático. A companhia caiu 1,74%, arrastando a Cisco Systems, que recuou 0,94%.

A cadeia norte-americana de venda de brinquedos Toys «R» Us caiu 12,24% depois de ter anunciado que deverá registar uma perda maior do que o previsto no final deste ano. A companhia planeia encerrar 182 lojas Kid «R» Us e Imaginarium, mas em Portugal está a equacionar expandir a sua actividade.

A travar uma maior queda do índice industrial estiveram a Alcoa, que subiu 0,68% e a Boeing, que avançou 1,25%.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias