A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsas europeias encerram em queda; DAX desvaloriza 1,61%

As praças europeias fecharam em queda, depois da retalhista Ahold ter revisto em baixa as estimativas de lucros e da editora EMI ter reduzido as previsões de vendas. Na praça de Frankfurt o DAX que caía 1,61%.

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 19 de Novembro de 2002 às 17:15
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
As praças europeias fecharam em queda, depois da retalhista Ahold ter revisto em baixa as estimativas de lucros e da editora EMI ter reduzido as previsões de vendas. Na praça de Frankfurt, a Lufthansa e Infineon pressionavam o DAX que caía 1,61%.

O DJ Stoxx 50 caiu 0,63% para 2.597,30 pontos, interrompendo quatro sessões sucessivas de valorização.

Na Bolsa de Amsterdão, o AEX cedeu 0,71% em 340,82 pontos, com os papéis da retalhista Royal Ahold a desvalorizarem 0,77% para 11,61 euros. A empresa reviu em baixa as previsões de lucros no corrente ano.

Na praça de Londres, o FTSE 100 [UKX] decresceu 0,47% para 4.096,50 pontos. As acções da editora discográfica EMI caíram 6,11%, após a empresa ter dito que as vendas iriam falhar as expectativas.

Na praça de Paris, o CAC 40 [CAC] desvalorizou 0,97% nos 3.177,23 pontos. Os papéis da Alcatel lideraram as perdas, ao desvalorizarem 6,8% para 4,94 euros, depois do Deutsche Bank ter descido a recomendação para o papel de «manter» para «vender».

Em Espanha, a Telefónica foi a mais penalizada, ao retrair 2,6% para 9,68 euros, pressionado o IBEX 35 [IBEX] que decresceu 1,13% em 6.284,30 pontos.

Na praça de Frankfurt, o DAX [DAX] regredia 1,61% para 3.166,52 pontos, numa altura em que os papéis da operadora aérea Lufthansa e da empresa de semicondutores Infineon Technologies regrediam ambos mais de 4% para 10,85 euros e 8,68 euros, respectivamente.

Ver comentários
Outras Notícias