Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsas norte-americanas caem influenciadas pela HP

As bolsas norte-americanas fecharam hoje a cair, influenciadas pelos resultados da Hewlett-Packard, que falhou as estimativas dos analistas. Dow Jones encerrou a cair 0,33% e o Nasdaq a regredir 0,03%.

Isabel Aveiro ia@negocios.pt 20 de Agosto de 2003 às 21:23
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
As bolsas norte-americanas fecharam hoje a cair, influenciadas pelos resultados da Hewlett-Packard, que falhou as estimativas dos analistas. Dow Jones encerrou a cair 0,33% e o Nasdaq a regredir 0,03%.

O Nasdaq [CCMP] encerrou nos 1.760,54 pontos, e o Dow Jones [INDU] fechou nos 9.397,51 pontos.

O Nasdaq, que obtém 41% do seu valor das acções de tecnologia, avançou 32% desde o início do ano. Ontem os dois principais índices norte-americanos atingiram o máximo do ano.

As acções da Hewlett-Packard, a segunda maior fabricante de computadores do mundo, caíram 10,22%, afectadas pela divulgação dos resultados referentes ao segundo trimestre do seu ano fiscal, encerrado a 31 de Julho, que ficaram abaixo do estimado pelos analistas.

O sector farmacêutico foi igualmente afectado pela quebra registada nos títulos da Pfizer, que recuaram 1,66%, no dia em que a GlaxoSmithKline e a Bayer anunciaram que as autoridades norte-americanas aprovaram a comercialização do seu produto concorrente ao Viagra, o Levitra.

Em sentido contrário, a farmacêutica Merck norte-americana avançou 2,14%, influenciada pela notícia que a companhia completou o «spin off» da Medco Health Solutions.

As acções da companhias fabricantes de sistemas de armazenagem de dados informáticos, Network Appliance e EMC, aumentaram 15,68% e 4,82%, respectivamente, impulsionadas pela divulgação de resultados.

O american depositary receipt (ADR) da Portugal Telecom (PT) [PTC] aumentou 0,84% para 7,17 dólares (6,44 euros), enquanto em Lisboa as acções da operadora de telecomunicações encerram nos 6,40 euros, inalteradas.

O ADR da Electricidade de Portugal (EDP) [EDP] avançou 0,86% para 22,34 dólares (20,08 euros), enquanto em Lisboa a empresa viu os seus títulos subiu 0,50%, para 2,01 euros. Cada ADR equivale a 10 acções da eléctrica nacional.

Ver comentários
Outras Notícias