Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BPI, PT e Vodafone arrastam Euronext Lisboa para sétima queda consecutiva (act.)

O PSI20 encerrou a perder 0,30% pressionado pela queda de 4,05% do BPI e pela descida das telecomunicações que levaram o PSI20 a acumular a sétima sessão de perdas sucessivas, não acompanhando os ganhos no resto da Europa. A Sonae.com deslizou 5,86%.

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 25 de Fevereiro de 2002 às 16:48
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O PSI20 encerrou a perder 0,30% pressionado pela queda de 4,05% do BPI e pela descida das operadoras de telecomunicações que levaram o PSI20 a acumular a sétima sessão de perdas sucessivas, não acompanhando os ganhos no resto da Europa. A Sonae.com deslizou 5,86%.

A Euronext Lisboa fechou em contra ciclo com as congéneres europeias com o PSI20 [PSI20] a dar continuidade à tendência de queda das últimas sessões, voltando a firmar um novo mínimo anual.

O índice de referência fechou nos 7.173,45 pontos, completando uma série de sete sessões de perdas. Nas últimas 12 sessões, o PSI20 só conseguiu por uma única vez fechar com ganhos. O PSI30 desvalorizou 0,22% para os 3.425,16 pontos.

As acções do BPI [BPIN] encerraram com uma descida de 4,05% parea os 2,37 euros com cerca de 946 milhões de acções movimentadas, com o mínimo da sessão firmado nos 2,34 euros.

O Ibersecurities Grupo ActivoBank aconselha aos investidores a venda ou o adiamento da compra das acções do banco BPI, na sequência do aumento de capital anunciado na sexta-feira.

O Banco Comercial Português (BCP) [BCP] permaneceu sem alterações nos 3,77 euros. Os resultados líquidos da Eureko, seguradora europeia participada pelo BCP, caíram 59,7% em 2001, atingindo os 210,6 milhões de euros. O Banco Espírito Santo (BES) [BESNN] conseguiu contrariar a tendência do sector, amealhando uma subida de 0,7% com cada título a valer 11,53 euros.

A operadora móvel Vodafone Telecel [TLE] fechou com uma queda de 1,38% para os 7,85 euros, enquanto que a Portugal Telecom (PT) [PTC] com 2,7 milhões de acções transaccionas, desvalorizou 0,66% para os 7,55 euros.

A PT agendou para o próximo dia 13 de Março a apresentação dos resultados de 2001, admitindo, no entanto, antecipar ou adiar o anúncio por um dia, segundo revelou fonte oficial da operadora a Negocios.pt.

A Sonae.com [SON], a par da ParaRede, liderou as perdas em termos percentuais no índice, acumulando uma queda de 5,86% parea os 2,73 euros. De acordo com o jornal «Expresso», citando Horta e Costa, administrador da Electricidade de Portugal (EDP), uma aproximação entre a Sonae.com e a ONI, a um mês do fim do prazo para a venda dos 25% que a operadora controlada pela EDP detém na Optimus «será sempre difícil».

A EDP [EDP] foi o papel mais procurado do dia com 4,79 milhões de títulos trocados, não conseguindo manter os ganhos da sessão, voltando no final ao valor de fecho de sexta-feira de 2,22 euros. A Sonae SGPS [SON], que controla a Sonae.com, peramaneceu igualmente sem alterações nos 0,80 euros.

As acções da Portucel [PTCL] fecharam a valororizar 0,79% para os 1,27 euros. O Banif-Banco de Investimento reiterou a recomendação de compra para as acções da Portucel apontando um «preço-alvo» de 1,40 euros, com base nos «bons» resultados apresentados em 2001 e a recuperação que se espera no sector.

A empresa de soluções informáticas ParaRede [PARA] recuou 6% para os 0,47 euros, enquanto a Impresa [IPR] cedeu 0,52% para os 1,91 euros. A rival para a área de media, a Cofina [COFI] conseguiu uma valorização de 2,26% para os 2,26 euros.

Ver comentários
Outras Notícias