Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

China leva Wall Street a subir pela quarta sessão

Crise política em Itália não impediu os índices norte-americanos de valorizarem pela quarta sessão consecutiva, com os investidores confiantes com os dados económicos na China.

Negócios 10 de Dezembro de 2012 às 21:27
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As bolsas norte-americanas fecharam em terreno positivo, acumulando a quarta sessão consecutiva de ganhos, o que já não acontecia desde Agosto deste ano.

O Dow Jones subiu 0,11% para 13.169,88 pontos, o Nasdaq ganhou 0,3% para 2.986,96 pontos e o S&P500 avançou 0,11% para 1.419,63 pontos.

Os índices accionistas abriram em terreno negativo, pressionados pelo anúncio da intenção de Mario Monti de se demitir como primeiro-ministro italiano. Contudo, com as bolsas europeias a inverterem também para terreno positivo, as acções norte-americanas também recuperaram terreno, com os dados da China a pesarem mais no movimento accionista.

A produção industrial e as vendas a retalho na China subiram acima do esperado pelos economistas, o que gerou expectativas positivas sobre a evolução da economia asiática.

A McDonald’s foi das cotadas que mais impulsionou Wall Street, com a cadeia de restaurantes de “fast food” a ganhar 1,06%, depois de ter anunciado que as vendas em Novembro subiram 2,4% em todo o mundo.

A Cisco Systems valorizou 2,51%, conseguindo a maior subida entre as cotadas do Dow Jones. Outras tecnológicas do índice também fecharam em alta, a Hewlett Packard a subir 1,87% e a Microsoft a ganhar 1,76%.      

A condicionar a evolução de Wall Street continua as negociações relacionadas com o orçamento dos Estados Unidos para o próximo ano, de modo a evitar o precipício orçamental (aumento automático de impostos e corte de despesa).

No Domingo o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, encontrou-se com o presidente do congresso, John Boehner, sendo que da reunião não resultou nenhum comunicado oficial.

 

 

 

 

Ver comentários
Saber mais Bolsa Wall Steet
Mais lidas
Outras Notícias