Bolsa China tem a melhor semana bolsista desde início de 2016

China tem a melhor semana bolsista desde início de 2016

Na próxima semana as bolsas na China vão estar fechadas devido ao Novo Ano. E apesar da queda registada na sessão de sexta-feira acaba por registar a melhor semana desde que 2016 arrancou.
China tem a melhor semana bolsista desde início de 2016
Bloomberg
Negócios 05 de fevereiro de 2016 às 08:01
As bolsas chinesas terminaram esta semana como a melhor de 2016, isto em vésperas do encerramento dos mercados pelas comemorações do Ano Novo chinês, e depois de uma injecção de liquidez na economia chinesa por parte do banco central de perto de 50 mil milhões de euros. Este é um período em que os chineses aumentam as suas compras.

O Shanghai Composite subiu perto de 1% esta semana, o maior crescimento de 2016. Apesar de ter fechado a sessão de sexta-feira em queda de 0,63% para 2.763,492 pontos. Esta sexta-feira o CSI 300, que integra empresas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,7% para fechar nos 2.963,789 pontos.

Na próxima semana comemora-se o Ano Novo chinês - Ano do Macaco - e as bolsas estarão fechadas.

Em Hong Kong, o Sang Seng fechou a subir 0,47% e o Hang Seng Enterprise valorizou 0,79%.

Mas na China, apesar da queda o sentimento acabou por ser, no final da semana, menos negativo, já no Japão, as bolsas voltaram a cair pelo quarto dia consecutivo, apurando uma perda semanal. Isto depois da intervenção do Banco do Japão.

O Topix caiu 1,4%, para terminar com uma perda semanal de 4,4%, depois de ter subido 5,1% nos dois dias seguintes à intervenção do banco de Japão, na sexta-feira da semana passada. O Nikkei deslizou 1,3%, acumulando uma perda semanal de 4%. Fechou mesmo a semana abaixo dos 17 mil pontos.

Num outro mercado, o índice da Indonésia subiu para um máximo de seis meses e a rupia também teve um novo impulso, isto depois dos dados referentes ao PIB desta economia terem superado as estimativas. O principal índice de Jacarta subiu 2,3%. A Indonésia anunciou um crescimento da sua economia de 5,04% no último trimestre de 2015, excedendo as estimativas dos analistas.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI