Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Citigroup deixa de ter posição qualificada nos CTT

A instituição financeira reduziu a sua posição no operador de serviço postal, de 2,81% para 1,9%.

O presidente dos CTT, João Bento, defende que é preciso “reinventar a natureza do serviço público”.
Hugo Rainho
Negócios jng@negocios.pt 22 de Fevereiro de 2021 às 17:33
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Depois de, a 4 de janeiro, o Citigroup ter passado a deter uma posição qualificada no capital dos CTT, a 18 de fevereiro reduziu a sua participação para menos de 2%, segundo o comunicado divulgado hoje pelo operador de serviço postal junto da CMVM.

A operação, realizada através de instrumentos financeiros, mais especificamente swaps, levou o Citigroup a passar de 2,8148% para 1,9042% nos CTT.

 

Assim, o Citigroup, que tinha passado a ser o quinto maior acionista dos CTT, deixa de ter uma participação qualificada na empresa liderada por João Bento (na foto) – onde sete accionistas detêm mais de 2%.


Os CTT encerraram a sessão desta segunda-feira a somar 1,43% para 4,6940 euros.

Ver comentários
Saber mais Citigroup CTT
Outras Notícias