Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CMVM diz não existirem "motivos que justifiquem suspensão das acções do BCP"

Perante a informação disponível, o regulador não encontra razões para suspender a negociação das acções do BCP, depois do pedido apresentado pela ATM.

Pedro Elias/Negócios
Raquel Godinho rgodinho@negocios.pt 26 de Janeiro de 2016 às 19:48
  • Partilhar artigo
  • 164
  • ...

A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) não encontra razões, perante a informação disponível, que justifiquem a suspensão das acções do BCP. O banco já referiu desconhecer "qualquer processo de execução" contra si que justifique o pedido de suspensão da negociação avançado por pequenos investidores.


"Perante a informação que a CMVM tem, neste momento, não existem motivos, à luz do Código de Valores Mobiliários, que justifiquem a suspensão do título", esclareceu fonte oficial do regulador ao Negócios.


A Associação de Investidores e Analistas Técnicos do Mercado de Capitais (ATM) enviou, esta terça-feira, uma carta à CMVM a solicitar a suspensão das acções do BCP. Em causa, estaria a abertura de "um processo de execução para pagamento com penhora de saldos bancários por incumprimento de uma obrigação [por parte do banco], entendendo que ATM que a falta de esclarecimento e avaliação da consequência de tal incumprimento é prejudicial ao interesse dos investidores e do mercado em geral".

Contudo, o banco liderado por Nuno Amado desconhece a existência de "qualquer processo de execução".  "O Millennium BCP não tem conhecimento de qualquer obrigação cujo pagamento esteja em falta nem de qualquer processo de execução para pagamento de dívida com penhora de saldos bancários", referiu fonte oficial do banco ao Negócios.

 

 

 

 

Ver comentários
Saber mais CMVM banco acções BCP suspensão ATM
Outras Notícias